Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

PORTO DAS PIPAS

miguel sousa azevedo - terceira - açores

PORTO DAS PIPAS

miguel sousa azevedo - terceira - açores

24.Out.23

História e afinidades com Joel Cleto

Caminhos História 1.jpg

Sou, desde sempre, um insuspeito consumidor dos conteúdos do "Porto Canal", muito mais que uma estação televisiva de um clube desportivo - no caso, o Futebol Clube do Porto, de que também sou fervoroso adepto -, mas antes um verdadeiro canal de gentes, que mostra uma região e uma cidade de forma ímpar, até porque o que menos vejo da sua grelha são, precisamente, os programas de comentário desportivo. Opção que estendo a todos os outros canais, nas curtíssimas horas de que ainda vou dedicando à forma tradicional do pequeno écran.

Caminhos História 2.jpg

De entre os vários conteúdos locais, que também me vão permitindo revisitar um Porto de que tenho, diariamente, saudades, tenho de destacar tudo que leve o selo "Joel Cleto". Sou apreciador, também desde a primeira hora, da maneira simplificada como o historiador e arqueólogo dá a conhecer os meandros históricos, os sítios, as razões e a evolução dos tempos. "Caminhos da História" penso que é o seu programa mais recente, e talvez ainda em rodagem, um formato que vai desdobrando o Grande Porto, e até o norte do país, em imensas razões para sermos muito mais curiosos sobre as nossas origens e sobre o que nos vai passando aqui ao lado, na carruagem alada do desconhecimento.

Caminhos História 3.jpg

Com um discurso fluente, ar simpático e aquele passinho miúdo próprio com que se desloca entre-takes, Joel Cleto merece todas as distinções de que já foi alvo, assim como o aplauso popular, por fazer o mais difícil com o que é ciência e saber, chegar a toda a gente. Fá-lo com talento e é sempre um gosto ver mais um episódio. Faz agora uns oito aninhos, visitei pela única vez o Museu do Dragão, no magnífico Estádio com o mesmo nome. Calhou que era dia de uma vista guiada, precisamente por Joel Cleto, que deu um brilho diferente a um, já de si, glorioso percurso de recordações. Trocámos breves palavras, não houve selfies, mas saí de lá mais rico e feliz. O homem tem, também, essa capacidade de boa disposição em modo de aprendizagem. Bem haja. 

Caminhos História 4.jpg