Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

PORTO DAS PIPAS

miguel sousa azevedo - terceira - açores

PORTO DAS PIPAS

miguel sousa azevedo - terceira - açores

05.Mai.04

...

FCP vitória

 

É com chuva que amanhece o Porto depois do delírio vivido ontem, desde o Estádio “Riazor” na Corunha. Nas varandas os cachecóis e as bandeiras vão pingando a alegria que a noite juntou à Cidade. Esta Cidade que não se cansa de andar em festa e de festejar o seu Clube maior. Confirmando as vozes populares mais entusiastas e o Futebol Clube do Porto “passou” mesmo no difícil embate frente ao Deportivo. Uma defesa irrepreensível, um meio-campo onde o “mágico” Deco voltou às delícias de outrora, e uma frente de ataque com o regressado “Ninja” Derlei a ser decisivo e a crescer ainda mais nos corações azuis e brancos…
E de novo a equipa do Dragão se adianta na alta-roda do Futebol Europeu. Depois de, na época que passou, ter ganho tudo com excepção da Super Taça Europeia (naquela que foi a primeira das apenas quatro derrotas do ano: AC Milan, Real Madrid…Gil Vicente e Rio Ave!) o “Porto” de Mourinho faz reviver os melhores momentos do Desporto-Rei Português. Com a passagem à Final da “Champions League”, a disputar no dia 26 em Gelsenkirchen (Alemanha), logo a memória aviva as imagens da final de Viena, em 1987, quando o emblema das Antas derrotou o Bayern de Munique (2-1) e conquistou o seu primeiro troféu Europeu. Seguiram-se a Super Taça e a Taça Intercontinental. 14 anos depois, e com mais um bi-campeonato conquistado, apenas o céu aguarda os feitos deste “Porto” comandado por um homem de carisma forte e palavras firmes: José Mourinho. A ele, e à sua inata percepção de escolher jogadores e homens de valor, se deve a constituição deste “Porto” do Estádio do Dragão. Desta equipa, que também “escorrega”-porque é humana…-, cujo sentido de luta se apresenta sempre em alto plano.