Miguel Sousa Azevedo

Create Your Badge
Domingo, 28 de Fevereiro de 2010

Aniversário...

Uma foto antiga, pois claro...

Três décadas e meia...ai tal canseira...


Pois é, o tempo passa a correr e ainda há uns dias brincava no quintal próximo do carro de rali lá de casa. Desta feita as coisas são um tanto diferentes - para lá dos vinte e muitos anos entretanto passados... -, com outros humores, outros amores, outros rumores e dissabores, mas com a faceta comum de ver o tempo passar. Umas vezes mais ao lado, outras em perfeita conssonância com o nossos desejos e fantasias de menino. Olho para o lado e tenho uns olhos escuros que me inquietam e descansam, num claro contraste que afirma o amor como o melhor acompanhamento para ver esse tempo passar...

 

PS-Recebi há pouco um rápido telefonema da minha afilhada-e-quase-cantora Beatriz. Depois dos "parabéns" de entrada, perguntou afoita: "Vais logo ver o teu Porto a levar na cabeça?...". Espero que não, Beatriz. Espero que não...mas é uma possibilidade.

publicado por MSA às 15:13
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
Sábado, 27 de Fevereiro de 2010

Cartaz

Amanhã, dia de Duatlo na Vila Nova...

publicado por MSA às 10:44
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 26 de Fevereiro de 2010

TRAMGC: A festa da Taça arranca amanhã!

O cartaz da prova de amanhã...

Vira-se amanhã uma nova página no livro dos ralis açorianos, com a ida para a estrada da primeira jornada da nova Taça de Ralis do Grupo Central – o Rali Sprint do Carnaval –, que juntará 33 equipas para correr por quatro vezes uma classificativa com pouco mais de 5 quilómetros de extensão, praticamente toda em piso de terra, e que liga a zona de lazer de São Brás ao Pico Celeiro, com as curvas finais do antigo São Brás/Fontinhas e a passagem pela Ladeira da Pena (junto à Serra do Cume) a estarem já anunciadas como de excelência para aferir a evolução de máquinas e pilotos. Durante o final da manhã e início da tarde vão começar a traçar-se os contornos de um certame que agrega novamente cinco provas, este ano finalmente com a designação “Rali Sprint”, consequência directa da admissão das provas às regras e calendários federados, numa confirmação de qualidade e validade do modelo. Para a etapa inicial do certame, organizado pela “Olavo Esteves Competições” e agendado para São Brás devido as intempéries de Dezembro, há um claro favorito: Tiago Azevedo. A estrear o competitivo Impreza N12 ex-Pedro Meireles, o piloto de Angra terá de ganhar a mão à “bomba” nipónica – com a qual apenas ontem teve contacto -, esperando-se que as quatro rodas motrizes sejam forte trunfo num traçado rápido mas algo traiçoeiro. Na perseguição ao Subaru, Fernando Meneses terá uma difícil missão, se bem que mais nenhum dos presentes deverá incomodar o homem do Saxo, mas com a luta pelo mais baixo do pódio a juntar Sérgio Cardoso, o graciosense Cláudio Bettencourt, Paulo Meneses ou Tiago Valadão, e esperando-se boa estreia para Carlos Andrade, agora no Clio RS ex-Fernando Soares. Isto no campo das viaturas homologadas, pois ao nível dos VSH a luta deverá também ser animada, com Lisuarte Mendonça a prometer uma exibição de luxo, afinal o AX anda bem rápido e o piloto joga naturalmente em casa, o que deixará em alerta Marco Sousa, vencedor da derradeira prova de 2009, Hélder Pereira e César Silva, que vai certamente causar sensação com o Nissan Micra 1.6. Mais atrás na lista surgem três viaturas clássicas, recaindo natural favoritismo no Starlet de Filipe Moura, que já em Dezembro foi o mais eficaz num traçado em tudo semelhante. Estão assim reunidas as condições para uma reedição de sucessos anteriores, com a aparente vantagem de agora haver regras efectivas e um reconhecimento oficial deste “Open” à moda da Terceira, uma competição que ganhou raízes e vai, sob outros contornos, para a quarta temporada consecutiva. Resta saber quem se vai alcandorar para suceder a Nuno Rocha, Artur Silva e Paulo Meneses, os três vencedores à geral da extinta Taça de Ralis Ilha Terceira.
 
(Lista de inscritos aqui)
 
PROGRAMA
 
PE 1           SÃO BRÁS / CELEIRO – 1 (5,1 kms)             11H00
PE 2           SÃO BRÁS / CELEIRO – 2 (5,1 kms)             12H00
PE 3           CELEIRO / SÃO BRÁS – 1 (5,1 kms)             13H20
PE 4           CELEIRO / SÃO BRÁS – 2 (5,1 kms)             14H20
 
O "Rádio Clube de Angra" vai estar na estrada...
 
Fazendo valer a sua tradição de “Voz da Terceira”, o Rádio Clube de Angra vai transmitir em directo a primeira prova da nova competição, levando aos ouvintes os tempos e as sensações do Rali Sprint de amanhã. Todas as informações sobre o evento estarão disponíveis através das frequências locais da estação (101,1 e 94,7 FM) ou então no site www.rcangra.com .

 

publicado por MSA às 11:38
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 25 de Fevereiro de 2010

Cais de Cruzeiros: Debate.

Foto de Paulo Monteiro, retratando os vestígios de um dos naufrágios em Angra...

Hoje, a partir das 20h30, o programa "Estado da Região", da RTP-Açores, vai tratar da temática da ordem: a construção de um Cais de Cruzeiros em Angra do Heroísmo.

 

Presente estará o arqueólogo Paulo Alexandre Monteiro, um dos directos responsáveis pela prospecção efectuada à nossa baía na década de 90 do século passado (parece que foi há muito tempo, mas nem tanto...), cuja actividade se mediatizou em flecha aquando da polémica sobre a construção da actual marina.

 

O programa será emitido em directo a partir do Centro Cultural e de Congressos, estando a platéia aberta ao público. Mas atenção que as portas fecham meia hora antes do início da transmissão.

publicado por MSA às 12:02
link do post | comentar | favorito

Cartaz.

Mozart, amanhã à noite no CCAH...

publicado por MSA às 11:11
link do post | comentar | favorito

Cais de Cruzeiros: O saber da omissão

Uma imagem antiga de um local em que a idecisão vai sendo palavra de ordem...

Nos últimos tempos não me tem faltado vontade de escrever sobre a temática do momento em Angra do Heroísmo e na Terceira: o não-projecto do cais de Cruzeiros para a baía da cidade património. Com efeito, o assunto poderia motivar um longo texto, já que é impossível abreviar todas as andanças e desventuras da parcela urbana de Angra que está virada ao mar, sendo que tal recolha seria fastidiosa e repetitiva, afinal várias vozes se têm levantado sobre o assunto, inclusivamente com propostas concretas da que poderia ser a melhor solução para o propalado investimento. Decidi-me por uma escrita simples e directa, que apenas decorre da opinião de um angrense, que gosta da sua cidade, mas que é daqueles que (até) admite que haja quem goste mais dela, coisa que já foi palavra de ordem em discursos políticos. Fui espectador atento do debate da passada segunda-feira, onde a oportunidade dada pelo Instituto Histórico da Ilha Terceira permitiu a uma parte da dita sociedade civil – e eram cerca de 65 os presentes – escutar as tentativas do secretário regional da Economia em explicar o que não está em lado nenhum, ou seja a ideia concreta de como será, como foi pensado, como foi decidido e como se vai orientar o ansiado terminal. Pois estas eram as questões perenes de um concelho e de uma ilha que, segundo o governante, já por duas vezes sufragou positivamente o investimento em actos eleitorais. E tem razão, afinal também foram sufragados positivamente – e muito mais vezes – o novo hospital, os parques temáticos e de lazer, a via rápida e estruturas do género, o que não impediu que – mesmo à custa de muitos anos -, ou fossem projectados e apresentados, ou pura e simplesmente caíssem no esquecimento. O cais de cruzeiros, pelos vistos não caiu, esqueceram-se foi de nos dizer como vai ser, o que nem é relevante, dado que está adquirido como sendo para avançar. E ainda bem. No debate a que me referi, e em cujo conteúdo não me consegui esclarecer sobre o assunto, foi visível que há a vontade política de dotar a Terceira de uma nova valorização em termos turísticos, o que é agradável de ouvir, até tendo em conta que noutras ilhas essa realidade também é pretendida. Ora, e correndo o risco de me acusarem de citações do tempo da “outra senhora”, registei uma frase do historiador José Hermano Saraiva, numa conferência promovida pela câmara municipal de Ponta Delgada, onde o mesmo adiantou que “não se pode pensar que o turismo vai resolver todos os problemas da região, até porque, se não for correctamente implantado, apenas invade, polui, corrompe e não enriquece”. Não podia concordar mais com o vetusto apresentador e, no caso terceirense, tenho dificuldade em compreender as orientações que, em concelhos vizinhos, retiram um parque de combustíveis de uma zona afogada para uma zona industrial junto a um porto de cargas mas onde se faz uma gare de passageiros; retiram a vertente comercial a um porto afogado para lhe embutir em brutal mau gosto uma zona de lazer, embora mantendo as ligações de alguns barcos inter-ilhas; fazem atracar navios de cruzeiro num porto dito comercial e de cargas sem sequer saber se há transporte para os turistas chegados se deslocarem ao centro urbano mais próximo; e, finalmente, resolvem em ano e meio que o ex-porto comercial e actual zona de duvidoso lazer afinal é para rebentar e transformar num terminal para navios de grande porte que trarão à sua cidade milhares de turistas de umas rotas que, noutras paragens bem próximas, vão caindo em número e em resultados. Estas são as minhas incompreensões, com licença do termo, pois no referido debate apenas me apeteceu intervir para aconselhar ao senhor secretário, que tenho em conta de pessoa perspicaz e de rápido raciocínio, para que se abeirasse da ponta do Porto das Pipas, bem ali em linha recta para a Porta da Prata, acompanhado de um indígena local que conhecesse a sua terra, e pedisse a enumeração de tudo o que já foi prometido, meio-feito ou caído no esquecimento desde a ponta do Monte Brasil até – e já dando meia volta em bicos dos pés… - ao castelo de São Sebastião que, salvo erro, ainda tem um bocado da muralha ruída porque neste país ninguém se entende quando se trata de resolver problemas. Escusando-me a enunciar as respostas que teria, perguntaria – o que não fiz, repito – ao senhor secretário se não seria mais útil, ainda antes de avançar com uma obra desconhecida e cujos estudos preliminares são cuidadosamente mantidos no mais completo sigilo, unir esforços para reabilitar – embora com mais de uma década de atraso… - a baía desta terra de histórias e desembarques, e então pensar em outros voos, que pela lógica do crescimento das cidades, teria de passar por uma nova orientação da malha urbana de Angra para o outro lado, ou pensarão os nossos governantes que atulhando a baía de construções se estará a beneficiar esta terra de algum modo? Pois é, em política a omissão é de facto um saber…
Mesmo com a vontade de ser breve vejo que ultrapassei já a barreira do legível com atenção ao pequeno-almoço ou a seguir a uma outra refeição, mas deixo apenas mais dois dados, que penso são importantes para o debate do que poderá ser realmente o planeamento de uma cidade tão única como é Angra do Heroísmo. Durante a década de 50 do século passado, o meu avô Fernando de Sousa foi o arquitecto responsável pelo traçado da hoje zona das Avenidas, num crescimento ponderado e planeado da cidade desde o Corpo Santo à Carreirinha, ou seja na última vez que a malha urbana de Angra cresceu de forma pensada, ambiciosa e com orientação. Depois disso foi-se juntando ao que havia, em ramificações, edificações e loteamentos que se foram parindo por aqui e por ali. Uma outra nota para quem pense que aqui faço a defesa da oposição por si só. Sempre houve obras públicas mal pensadas e mal dimensionadas e, sem me dar ao trabalho de um levantamento exaustivo, lembro o Estádio João Paulo II, desta nossa nobre cidade, verdadeira marca de regime político, cuja principal finalidade, a de recinto desportivo onde atletas e público pudessem ter uma salutar convivência foi descurada. É esperar um dia com algum vento e passar…não na bancada, mas lá em baixo no terreno de jogo e de corridas...

 

publicado por MSA às 00:32
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
Quarta-feira, 24 de Fevereiro de 2010

Solidariedade.

ou uma das várias formas de ajudar o povo da Madeira...

publicado por MSA às 02:04
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 23 de Fevereiro de 2010

SMS.

Caro blogue, não tem sido fácil parar por aqui. Este início de semana está a ser trabalhoso. Miguel.


 

publicado por MSA às 18:02
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 22 de Fevereiro de 2010

"Team Praia" em grande força para 2010!

Perspectiva da cerimónia, no pavilhão de São Brás...

No passado sábado mais de duas centenas de adeptos de desporto automóvel puderam ver as cores e as caras do “Team Praia da Vitória” para a temporada de 2010.
Onze carros e vinte e dois elementos compõem uma formação “que tem levado longe o nome da cidade e que me deixa orgulhoso como um dos responsáveis pela iniciativa, que tem tido excelentes resultados”, referiu o mentor do conjunto, Olavo Esteves.
O também piloto realçou a “excelente participação das várias equipas e a vontade com que prepararam os carros para, a uma semana da primeira prova do ano – Ralisprint do Carnaval, no próximo sábado -, se apresentarem todos com este aspecto, dando outra beleza à cerimónia”, explicou. No uso da palavra, Olavo Esteves valorizou, “uma vez mais, a colaboração da câmara municipal da Praia da Vitória, pois tem sabido identificar nesta equipa uma boa forma de divulgar o concelho, associada a um desporto que é campeão de audiências na Terceira e não só”, disse ainda Olavo Esteves.
A juventude também esteve presente...
Roberto Monteiro revelou “uma enorme satisfação” pela forma como a formação tem “representado o concelho e dado um bom exemplo de desportivismo e entrega ao desporto”. Para o presidente da câmara municipal praiense nunca haverá “a exigência de taças ou de títulos, pois apenas queremos uma garantia de que estes pilotos e navegadores honrem a sua terra, e tornem os praienses orgulhosos da sua presença na estrada”, afirmou. O autarca revelou que “o apoio contratualizado ascende a cerca de 42 mil euros, que depois são distribuídos pelas onze formações mediante critérios já estabelecidos”, concluiu. Serão onze as duplas a dar corpo à equipa na nova temporada: Olavo Esteves/Ricardo Coelho (Renault Clio R3), Fernando Meneses/Roberto Areias (Citroen Saxo Cup), Paulo Meneses/Silvestre Rocha (Peugeot 106 S16), Sérgio Cardoso/José Costa (Renault Clio 2.0 RS), Nuno Silva/André Avelar (Citroen Saxo Cup), Teófilo Pires/Renato Garcia (Toyota Yaris), Paulo Leal/Telmo Leal (Toyota Yaris), Tiago Mourão/Francisco Misturada (Toyota Starlet), Hélder Pereira/Marco Espínola (Citroen AX) e, pela primeira vez, José Barbosa/Hélder Lima (VW Polo G40).
O evento de sábado esteve em directo para o mundo virtual...
Cerca de 200 acessos em directo foram o público virtual da transmissão efectuada durante a apresentação do “Team Praia da Vitória”, um número que deixou Décio Toste, o responsável pela “Via Oceânica Lda.”, “muito satisfeito, afinal tratava-se de um sábado à noite e esse número corresponde apenas a computadores ligados e não a pessoas”, explicou. A divulgação do evento insere-se “numa iniciativa que já desenvolvemos há cerca de três anos, e que tem incluído a transmissão em directo de várias provas, assim como um programa semanal – o “Rodas e Motores” – dedicado aos desportos motorizados e de evasão”, adiantou.

 

publicado por MSA às 21:09
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 21 de Fevereiro de 2010

Virgem Suta - Tomo conta desta tua casa.

publicado por MSA às 12:57
link do post | comentar | favorito

Cartaz.

Conferência, amanhã, com Jean Frédéric Shaub...

publicado por MSA às 11:14
link do post | comentar | favorito

We Are The World 25 For Haiti.

Vinte e cinco anos depois, e no mesmo estúdio, foi gravada - no passado dia 12 - uma nova versão de "We Are The World", o hino de solidariedade que Quincy Jones, Lionel Richie e Michael Jackson levaram a cabo na década de 80 do século passado, sagrando o movimento "USA for Africa". Tinha à altura nove anos, mas lembro-me bem da forma profunda como o mundo entendeu a mensagem, então com forte incidência para o combate à fome em África. Desta vez, e numa reedição actualizada em termos cénicos e musicais, o mote é a tragédia que assolou o Haiti ao início deste ano, sendo que a exímia produção permitiu uma versão tocante e apelativa do tema. Estaria a faltar à verdade se negasse o arrepio sentido ao ouví-lo, o mesmo que nos poderá -a nós, que somos o mundo... - assolar ao pensar no retrocesso constante do planeta, que apenas acorda a cada sinal da mãe-natureza, que toca em socorro pelas infedilidades que o homem comete sobre a sua espécie e o seu habitat. Ouçam e pensem. Está chocantemente belo.


 

publicado por MSA às 09:58
link do post | comentar | favorito
Sábado, 20 de Fevereiro de 2010

Pedro Abrunhosa - Eu não sei quem te perdeu (ao vivo).

publicado por MSA às 11:52
link do post | comentar | favorito

Cartaz.

Bem, quase daqui a bocado, há regata de "Hobie Cat" na baía da Praia da Vitória...

publicado por MSA às 01:28
link do post | comentar | favorito

"Team Praia"'2010 em directo na internet.

O "alinhamento" do Team Praia da Vitória para os ralis da nova temporada...

É já hje que o “Team Praia da Vitória” dá a conhecer a sua formação para os ralis açorianos de 2010, numa cerimónia a ter lugar no novo pavilhão da freguesia de São Brás, a partir das 20h30, e que terá honras de transmissão directa na internet, através da “Azores Global TV” - http://www.tv.azoresglobal.com .

Para a temporada que se inicia no dia 27, com o Ralisprint do Carnaval, “serão onze as equipas a representarem a equipa, ou seja mais uma que em 2009, num crescimento constante que se confirma na quarta época do projecto”, revela Olavo Esteves, o mentor do “Team Praia da Vitória”, piloto que irá estrear o novo Renault Clio R3, carro que será a sensação do evento.
 
Para o volante praiense, “continuamos a ser uma equipa que prova a disponibilidade e o grande apoio que a autarquia da Praia da Vitória dá à modalidade e aos pilotos e navegadores do seu concelho”, salienta, do mesmo modo que enaltece o facto de “temos conseguido juntar a isso um bom conjunto de resultados desportivos, e isso é sempre uma satisfação”.
 
Para a apresentação de sábado está prometida “uma jornada de convívio entre os amantes dos ralis, com a nossa equipa a marcar a primeira saída de uma temporada que muito promete e em que queremos, novamente, divulgar da melhor forma o nome da Praia da Vitória em todos os locais da região onde se falar de automobilismo”, concluiu o piloto.


 

publicado por MSA às 00:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 19 de Fevereiro de 2010

Gente da minha terra.

" o meu 'coeur' sempre baloiçou entre 'o será ou não  verdade' desde o primeiro dia em que se iniciaram estas estórias envolvendo josé sócrates,  começando na sua exótica 'licenciatura' em engenharia até ao putativo controlo da 'tvi' por ele encomendada à 'pt', passando pelo 'freeport' de alcochete e as acusações de suborno, posteriormente negadas, poduzidas pelo 'facilitador' britânico john smith... "

 

Uma opinião interessante do ex- vice presidente da Federação Portuguesa de Futebol. Que deve ter conhecimentos e experiência suficientes (ou a mais...) para escrever o que escreve...


 

publicado por MSA às 12:58
link do post | comentar | favorito

Tiago Monteiro continua com a Seat em 2010.

Tiago Monteiro continuará com o emblema da Seat ao peito...

Tiago Monteiro vai estar em 2010 novamente com a Seat no Campeonato do Mundo de Carros Turismo (WTCC). O piloto português fará equipa com o actual campeão em título, Gabriele Tarquini, e com Tom Coronel na "Sunred Engineering", que passará a chamar-se "SR-Sport", tendo apoio directo da "Seat Sport".
Depois de nas últimas três épocas ter estado sempre em plano de destaque, é com enorme satisfação que o português encara mais esta participação: Estou muito satisfeito por poder, uma vez mais, disputar o WTCC e fazer parte da família Seat. O WTCC, excepção feita à F1, é dos Campeonatos que maior retorno dá e de maior nível de competitividade. Nos últimos anos aprendi bastante para além de ter tido o prazer de fazer parte de um paddock único. Este desfecho era realmente o que mais ambicionava”, começou por explicar.
Apesar da época de 2010 ser distinta das anteriores, Tiago mostra-se confiante: Vou dar o tudo por tudo para conseguir os melhores resultados possíveis ao longo da época. É somente com esta postura que consigo estar sempre que entro em qualquer prova”, rematou
O WTCC tem a primeira corrida de 5 a 7 de Março, no Brasil, e visita Portugal de 2 a 4 de Julho, com nova presença no Autódromo Internacional do Algarve.

 

publicado por MSA às 12:08
link do post | comentar | favorito

Imagem.

A água em força, esta manhã na Ribeira Manuel Vieira (Santa Bárbara)...

Foto: Ricardo Laureano.

publicado por MSA às 10:57
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Pois, tem feito cá uma falta...

publicado por MSA às 09:41
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Garantir uma tradição... (crónica)

As meninas do cartaz - e a frase de abertura - do cortejo deste ano...

Foi com alguma apreensão que assisti ao desenrolar da Tourada dos Estudantes deste ano. Mesmo que à distância, e dando apenas a ajuda entendida, facilmente identifiquei uma ligação menos forte dos jovens de Angra com aquela estimada tradição local, numa realidade que retumbou num cortejo pouco participado e, infelizmente – dado que o clima foi novamente em partidas de Carnaval… -, numa praça com muito menos gente que o sequer necessário para pagar as contas. E isto se até a parte cómica da garraiada teve graça, e mesmo com a falta de cavaleiro as acções taurinas se prestaram a bons momentos. O texto nem vem a jeito de relatar mais uma edição de um acontecimento que está de mãos dadas com o Entrudo local, sendo que o velho burgo angrense vive a Tourada dos Estudantes há muito. Já agora, aproveito para referir que a sua longevidade ultrapassa em muito os 50 anos avançados recentemente numa crónica de jornal. Com efeito, terá sido na segunda década do século passado que os alunos do então Liceu Nacional de Angra começaram a contenda, estando por isso a tradição a caminhar para os noventa anos…bem mais que o “exigido” para que garanta o epíteto, portanto. Sem fazer história, é com alguma preocupação que se assiste a um afastamento da juventude angrense ao certame, sendo certo que os que organizam, participam e ajudam o fazem com a maior das boas vontades, só pecando pelo número escasso, o que não acontecia até há bem pouco. Nunca fui apologista de que “no meu tempo é que era bom”, pelo que sempre me irritou ouvir dizer isso da Tourada dos Estudantes, esquecendo-se os autores da oração que os tempos mudam, que as realidades se adaptam, que só assim as coisas andam. E até porque desses, pouca ou nenhuma ajuda aparecia – ou apareceu - para contrariar a perda de qualidade anunciada, que a meu ver nem aconteceu. Simplesmente as coisas mudam e, bem analisada a situação, já será de saudar a participação dos presentes, pois se há coisa que mudou foi a realidade estudantil em Angra. O concelho tem agora duas escolas ditas secundárias de grande dimensão, mais uma que delas se aproxima e ainda uma significativa quota de ensino profissional o que, logicamente, espalhou a juventude por vários pólos, cimentando um divórcio latente da escola com esta Tourada, coisa que já se arrastava há anos. O objectivo desta pequena reflexão – sem nenhuma forma de apelo aos jovens, que são livres de ocupar o tempo como bem entenderem… - é apenas recordar o princípio fulcral da Garraiada dos Estudantes de Angra, uma festa da juventude, onde o espírito taurino das nossas gentes sempre se uniu com a crença de criticar a sociedade e o mundo em tempos do Rei Momo, uma característica que a distingue de outras por esse Portugal fora, e que a tornou única e original, e como tal uma espécie em vias de extinção. Esse risco de perda é premente, e já este ano apenas uma boa vontade muito visível – contrariando até alguma inocência em determinadas opções… - permitiu que houvesse cortejo e brincadeira. Mesmo com São Pedro a passar a perna à “estudantada”. O meu alerta prende-se com as virtudes do certame, que não se coadunam com alguns tipos de apoios ou de direcção que o mesmo possa tomar. Numa altura em que a liberdade de expressão serve de mote para toda e qualquer discussão, que não se levante o pano para que uma Tourada dos Estudantes sem o seu predicado saia à rua. No dia em que ela for criação de mais uma associação juvenil, grupo etnográfico ou qualquer outro organismo oficializado e sedento de apoios e favores, está assinada a sua sentença final. A Tourada dos Estudantes tem lugar para existir e (ainda) razão de ser, mas que tal aconteça apenas pela vontade dos jovens, imbuídos de uma rebeldia saudável que se vai perdendo nos calendários, caso contrário, é dizer-lhe adeus.

 

publicado por MSA às 00:53
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Quinta-feira, 18 de Fevereiro de 2010

Poupadinhos.

Um estudo recente, conduzido pela Universidade Técnica de Lisboa, mostrou que cada português caminha em média 440 km por ano.

 
Outro estudo, feito pela Associação Médica de Coimbra, revelou que, em média, o português bebe 26 litros de vinho por ano.
 
Tais revelações significam que um português gasta, em média, cerca 5,9 litros aos 100km, ou seja... é económico! 
 
Afinal, nem tudo está mal neste nosso país à beira mar plantado... 
 
(Adaptação de um email recebido...)
publicado por MSA às 17:12
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 17 de Fevereiro de 2010

Katie Melua & Eva Cassidy - What a Wonderful World.

publicado por MSA às 09:09
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 15 de Fevereiro de 2010

Nostalgia de Carnaval...

Não sendo ainda a hora em que me apetece escrever sobre o Carnaval, e mesmo se ele se encaminha para terminar este ano, deixo aqui um pequeno video, vindo das Américas e do nosso bem conhecido José Manuel Gabriel "Vaca", um dos "célebres" da Tourada dos Estudantes. Reportam as imagens à década de 70 do século passado, assim com um cheirinho a nostalgia numa época do ano em que também nos lembramos de quem partiu e, especialmente, das recordações boas dos nossos tempos de liceu.


 

publicado por MSA às 22:12
link do post | comentar | favorito
Domingo, 14 de Fevereiro de 2010

Tribalistas - Já sei namorar.

publicado por MSA às 11:31
link do post | comentar | favorito
Sábado, 13 de Fevereiro de 2010

BTT: Rui Costa imparável no Estádio!

No passado domingo foi com uma tarde de sol que a Terceira recebeu a sua primeira prova federada de BTT, exactamente a que inaugurou a Taça “Total Bike” da nova temporada.

Rui Costa arrancou logo na frente...

Com mais de três dezenas de participantes nas diferentes categorias, o evento ficou marcado pela prova à parte de Rui Costa, já que o terceirense, envergando as cores do Santa Clara, não deu hipóteses a mais ninguém, dominando desde a partida no exigente e bem desenhado circuito que rodeava o Estádio João Paulo II – e que bem demonstrou o quão pouco aproveitada é aquela estrutura desportiva…-, mesmo se uma desistência prematura de Pedro Bartolomeu lhe poderia ter facilitado a vida.

O vencedor da prova em acção...

Mas o certo é que Costa já “abrira” para o restante pelotão quando o campeão de Triatlo teve de parar, pelo que o pódio passaria a ser uma questão entre Délcio Ormonde e Jorge Nunes, mas apenas para a segunda posição.

Pedro Bartolomeu ainda em prova...

Depois deles o apelido Nogueira era ponto comum, com o tio João a ficar classificado entre os seus sobrinhos Bruno e José, com este a bater José Freitas, que fez uma prova regular.

Délcio Ormonde, o segundo da geral...

Aliás boa de ver foi a entrega de todos os presentes, com as diferentes aspirações a não tirarem vontade de pedalar a ninguém.

Jorge Nunes, em pleno esforço...

Entre os mais novos Renato Bernardo e Hernâni Mendes venceram na Formação e nos Juvenis, numa jornada onde se puderam confirmar as valias de um ajuizamento com todas as regras, desde a contagem das voltas à zona de assistência. Foram vantagens claras para uma modalidade que vive plena saúde entre nós

Zé Freitas, em bom estilo...

 Paulo Jesus ultrapassa Adriano Toste...

 Em contacto pleno com a Natureza...

 Marco Azevedo ainda está aí para as curvas...

 Ops! E já caiu!...

 - SÉNIORES -

 

 
ATLETA
TEMPO
Nº VOLTAS
RUI COSTA
01.21.57
10
DÉLCIO ORMONDE
01.26.58
10
JORGE NUNES
01.26.59
10
BRUNO NOGUEIRA
01.22.03
9
JOÃO NOGUEIRA
01.22.46
9
JOSÉ NOGUEIRA
01.23.37
9
JOSÉ FREITAS
01.24.01
9
CARLOS RODRIGUES
01.26.40
9
JOÃO VALADÃO
01.27.48
9
10º
ROGÉRIO AGUIAR
01.28.12
9

(classificaram-se 24 concorrentes)
 - FORMAÇÃO -

 
ATLETA
TEMPO
Nº VOLTAS
RENATO BERNARDO
00.05.23
2
JOSÉ TOSTE
00.05.24
2
DIOGO ROLDÃO
00.05.30
2

(classificaram-se 5 concorrentes)
 - JUVENIS/CADETES -

 
ATLETA
TEMPO
Nº VOLTAS
HERNÂNI MENDES
00.53.02
5
JOÃO ORMONDE
01.05.10
5
SAUL VIEIRA
00.58.22
4

 

 

publicado por MSA às 20:44
link do post | comentar | favorito

Convite.

Exposição colectiva na "Carmina Galeria"...a abrir no sábado de Carnaval.

publicado por MSA às 11:45
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2010

Será por aí, ó timoneiro...?

Sócrates já tem de se começar a preocupar dentro de casa...também.

 

"Depois da dramatização e da ameaça de uma crise política, o PS teme agora um problema chamado José Sócrates... "

                                                                                            in "Público".

 

Ou seja, as hostes socialistas começam a desconfiar do próprio timoneiro. E o pior é que ele está também à frente do país... que há já algum tempo o olha de lado.

 

publicado por MSA às 13:01
link do post | comentar | favorito

Em leitura.

A edição para 2010 do "Almanaque do Camponez"...já meio tarde, mas é quando há tempo!

Imagem: "Folkosfera"

publicado por MSA às 12:53
link do post | comentar | favorito

"Formula Rali" quase a 1000 por dia!

Já aqui frisei a minha colaboração quase diária com o site "Formula Rali", uma cuidada criação do meu amigo Francisco Veloso, que aliás acarinha e cuida da mesma com os cuidados que se têm visto. Ontem foi dia de recorde para este nosso simples espaço - criado sob a mais sincera paixão pelo desporto automóvel, com enfoque obrigatório nos ralis... -, que se apressa em chegar às mil visitas diárias, isto quando ainda nem tem um ano de existência e sendo que a sua origem regional já extravasou fronteiras. Sempre com os ralis e os motores como fito. Estamos, pois, de parabéns!

Uma das "breves" de ontem...

(esta foi uma das "breves" de ontem, aliás uma das rubricas que tem feito sucesso...)

publicado por MSA às 12:19
link do post | comentar | favorito

The "solo" of the year (2008 & 2009)...

publicado por MSA às 11:31
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 11 de Fevereiro de 2010

Cartaz.

Uma colectiva de grandes nomes na galeria do IAC...

publicado por MSA às 11:07
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 10 de Fevereiro de 2010

Todos pela Liberdade.

"Todos pela Liberdade" - amanhã, concentração fecha movimento resultante da petição...

" O primeiro-ministro de Portugal tem sérias dificuldades em lidar com a diferença de opinião. Esta dificuldade tem sido evidenciada ao longo dos últimos 5 anos, em sucessivos episódios, todos eles documentados. Desde o condicionamento das entrevistas que lhe são feitas, passando pelas interferências nas equipas editoriais de alguns órgãos de comunicação social, é para nós evidente que a actuação do primeiro-ministro tem colocado em causa o livre exercício das várias dimensões do direito fundamental à liberdade de expressão.
A recente publicação de despachos judiciais, proferidos no âmbito do processo Face Oculta, que transcrevem diversas escutas telefónicas implicando directamente o primeiro-ministro numa alegada estratégia de condicionamento da liberdade de imprensa em Portugal, dão uma nova e mais grave dimensão à actuação do primeiro-ministro.
É para nós claro que o primeiro-ministro não pode continuar a recusar-se a explicar a sua concreta intervenção em cada um dos sucessivos casos que o envolvem.
É para nós claro que o Presidente da República, a Assembleia da República e o poder judicial também não podem continuar a fingir que nada se passa.
É para nós claro que um Estado de Direito democrático não pode conviver com um primeiro-ministro que insiste em esconder-se e com órgãos de soberania que não assumem as suas competências.
É para nós claro que este silêncio generalizado constitui um evidente sinal de degradação da vida democrática, colocando em causa o regular funcionamento das instituições.
Assistimos com espanto e perplexidade a esse silêncio mas, respeitando os resultados eleitorais e a vontade expressa pelos portugueses nas últimas eleições legislativas, não nos conformamos. Da esquerda à direita rejeitamos a apatia e a inacção.
É a liberdade de expressão, acima de qualquer conflito partidário, que está em causa.

Apelamos, por tudo isto, aos órgãos de soberania para que cumpram os deveres constitucionais que lhes foram confiados e para que não hesitem, em nome de uma aparente estabilidade, na defesa intransigente da Liberdade... "

 

Assine a Petição aqui .


 

publicado por MSA às 11:35
link do post | comentar | favorito

Se eu fosse seropositivo?...

publicado por MSA às 11:30
link do post | comentar | favorito

Um Poema para o dia 10 de Fevereiro de 2009.

                 

 
                       ILHA D'ESPERA (Miguel de Sousa Azevedo
 
                        como se fosse uma pessoa...
 
                        acariciar-lhe os cabelos
                                               do manto verde retalhado
                        segredar-lhe ao ouvido
                                               o suave bater de uma onda
                        tê-la no colo à noite
                                               e beijá-la de lava e amor
 
                        levar ao céu o mar que o toca
                        no infinito que o coração não alcança
                        em dueto de improviso dedicar-lhe
                                                                       a sua dança
                                   onde fui criança
                                   onde a paz não cansa
 
                        no repouso sentido de quem não perde...
 
                                                                     Porto, 18 OUT 2002

 

publicado por MSA às 11:24
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 9 de Fevereiro de 2010

(mais uma) Entrevista ao "DI"...

(No seguimento da entrevista dada à "DI-Revista" do passado dia 31 de Janeiro entendeu a secção desportiva do jornal "aproveitar" as respostas que já não tiveram espaço na publicação semanal a que também dá corpo. Assim, e na última página do "Diário Insular" desta terça-feira, lá vim novamente a cores na comunicação social...)

Foto do entrevistado na última página do "Diário Insular" de hoje...

Foto: Duarte Veríssimo.

  

MIGUEL AZEVEDO, ESPECIALISTA EM AUTOMOBILISMO

Ralis não são promovidos enquanto desporto

 

Entre provas de lazer e competição, a temporada 2010 dos desportos motorizados reserva cerca de três dezenas e meia de eventos. Desde os “pratos fortes”, que são os ralis, e, por exemplo, o sucesso que tem feito a Taça de Ralis, que análise se pode fazer ao momento que a modalidade atravessa?
Em termos desportivos, o campeonato açoriano é uma prova com alguns desequilíbrios, dado que as diferenças orçamentais marcam definitivamente a agenda, mas onde um nome se está a destacar também fora de portas: Ricardo Moura, atualmente o piloto mais completo da região. Numa visão relativa da Terceira, o TAC tem 35 anos de carisma e conhecimento, que lhe permitem cimentar a sua posição no todo regional, sendo que quanto mais se inovar nos ralis de cá mais as outras ilhas irão a reboque dessas inovações, conquanto ralis ao domingo e cerimónias públicas sem brilho se dispensam. Mas acredito que há massa humana e vontade de continuar com organizações de relevo, esperando eu que não se chegue à ânsia de fazer coisas em demasia, o que pode prejudicar a qualidade e a adesão às provas. O fenómeno Taça de Ralis – que agora se estendeu ao Grupo Central – resultou num “boom” de acesso barato, embora com organizações de grande nível, que veio dar uma nuance diferente aos nossos ralis. A Terceira é, de longe, o local do país com mais provas “per capita”, que têm sempre muito público a assistir. Penso que isso diz tudo.

Encontrar os necessários patrocínios privados continua a ser uma séria dificuldade?
Vivemos uma época difícil em termos económicos, o que limita os apoios das empresas aos concorrentes e, por vezes, até às organizações. Mas também acho que muitas delas não perceberam ainda o retorno que os ralis, quando bem divulgados, podem ter. Lamento profundamente a injustiça que é cometida pelo canal regional de televisão em relação às atividades motorizadas na Terceira, uma vez que na grelha estão dois programas – de produtoras privadas – para o efeito, mas que quase só olham para São Miguel. Sei que isso se deve a uma gritante falta de meios, mas a qualidade e a participação que temos exige outro tratamento da comunicação social (especialmente) de índole pública.

Que papel tem (ou poderia ter) o apoio do Governo Regional ao desporto automóvel?
Considero o “SATA Rali Açores” o maior acontecimento desportivo que a região pode ter, divulgando a sua maior ilha de uma forma incrível e dando aos adeptos a possibilidade de acompanhar ao vivo uma prova do mais competitivo campeonato da atualidade, o IRC. Mas não aceito que o mesmo governo que gasta milhões a apoiar o desporto, inclusivamente o “SATA” e modalidades com equipas compostas quase totalmente por atletas de fora da região, se demita de apoiar os pilotos locais de ralis como desportistas federados que disputam um campeonato inter-ilhas muito dispendioso. Nos Açores, os ralis são vistos e apoiados como eventos turísticos, esquecendo-se as nossas autoridades de os promover como desporto. Sublinho o apoio ao campeão que vai colocando pilotos da região no campeonato nacional, mas considero que isso é escasso.

(texto escrito ao abrigo do novo acordo ortográfico)

publicado por MSA às 23:08
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 8 de Fevereiro de 2010

Não se deve andar de óculos escuros dentro de casa...

publicado por MSA às 12:21
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sábado, 6 de Fevereiro de 2010

A ver passar os barcos...

O nunca-utilizado elevador do Edifício dos Corte-Reais...

Inaugurado em Novembro de 2004, o Edifício dos Corte-Reais, em Angra do Heroísmo, foi um dos passos da eternamente-por-concluir requalificação da baía, um local para onde já se anunciam novos e avultados voos, sem sequer antes se acabar tudo que estava previsto em 2001. Mas como o tempo não é para grandes conversas, aqui ficam duas imagens significativas, e que retratam umas das valências do dito edifício (que é assim, um misto de jardim e escadarias, por cima de uma zona comercial e com pinturas murais de colorido efeito...) que nunca viu chegada a sua utilização: o elevador. Que eu saiba está lá desde o início e, para além de nunca ter funcionado, localiza-se no piso intermédio da estrutura, ou seja obrigando sempre a que se suba ou desça uma das três escadarias que ligam a Rua da Rocha a essa zona do empreedimento, o que não será de todo prático. Talvez daí advenha a longa indecisão sobre sua real utilidade...é que o dito elevador está mesmo, desde 2004, a ver passar os barcos...

A marina em fundo...e o elevador que não sobe nem desce...

 

publicado por MSA às 10:37
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Cartaz.

Exposição de Pintura de João Pedro Barreiros. Inaugura-se hoje, no Centro Cultural e de Congressos de Angra do Heroísmo...

publicado por MSA às 10:11
link do post | comentar | favorito

Reflexão.

Colaboro quase diariamente com dois sites que se dedicam aos desportos motorizados, o "Formula Rali" e o "Motores Magazine", partilhando por ali a maior parte das reportagens e textos que vou publicando no diário angrense "a UNIÃO". Assim, e para além de uma parceria directa com a comunicação social mais tradicional - no caso, um jornal matutino -, é com prazer que asseguro esta presença nos meios inerentes às novas tecnologias. Ora, em termos de comunicação social pura e dura, as últimas horas têm sido férteis em notícias nada abonatórias para o governo português, um tema que naturalmente já mereceu o esperado "não-comentário" da tutela. Vai daí e ontem o meu amigo Francisco Veloso (Formula Rali/São Miguel), na rubrica "As breves do dia" - que também é publicada por outro amigo, o Zé Bandeira (Motores Magazine/São Pedro do Sul) -, onde vai dando conta, com visíveis humor e graça, das recentes novidades da competição automóvel, não se conteve e "desabafou" a perceito sobre a actualidade política, referindo-me até que:

 

"Em Inglaterra um jogador de futebol é destituído do cargo de capitão da Selecção por ter tido um caso extra-conjugal com uma ex-namorada de um colega de equipa.
Em Portugal constroem-se esquemas para, alegadamente, controlar a comunicação social e fica tudo na mesma como a lesma..
. "

 

A "breve" de ontem foi um desabafo social!...

(como parte integrante da equipa que alimenta o site, subscrevo absolutamente a missiva...ou digo mesmo: "Eu também!")

publicado por MSA às 03:19
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 5 de Fevereiro de 2010

Cartaz.

BTT, na versão de "Cross-Country", junto ao Estádio João Paulo II, no domingo...

publicado por MSA às 13:22
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Irritação.

. Luís Miguel Rego fez hist...

. Urban Art.

. Atlântida Taurina (Festas...

. Feira Taurina Graciosa 20...

. Ralis rumam à Ilha do Sol...

. Homenagem.

. Délio Teodoro e Dânia Fur...

. Wolfmother - Dimension

. A emoção paternal de "Rub...

.arquivos

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.quem cá passa

Contador de visitas

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds