Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

PORTO DAS PIPAS

miguel de sousa azevedo - açores

PORTO DAS PIPAS

miguel de sousa azevedo - açores

27.Nov.08

Mudanças.

Parece-me que estou a ficar como a maioria do povo açoriano (pelo menos a maioria eleitoral...). As mudanças mexem-me com o sistema.

 

Espero que isto me (nos) passe rapidamente...


 

25.Nov.08

"Em Barca Disso"

" E é com os olhos seguros nesse horizonte que o rapaz sonha que vai crescer e embarcar, não para reduzir distâncias ou reerguer ilusões perdidas, mas para conhecer-se a si mesmo, para confirmar que no sangue que lhe corre nas veias há também sal das águas revoltas do oceano Atlântico. Nemesiando pelos canais e correntes das ilhas, ele irá alhear-se – e ilhar-se – por aí, batendo antigas rotas de corsários, essa palavra ainda tão enraizada no falar das gentes da ilha, e que ele tantas vezes ouve a mãe chamar a si próprio ou aos irmãos... ".

 


(Excerto do texto vencedor do concurso literário do "Outono Vivo 2008", uma sentida prosa de Marta Mendes Amaral, que vale bem a pena ler e reler na íntegra...)

25.Nov.08

Tiago Azevedo também vence ao volante!

Tiago Azevedo em grande estilo no Pico!

 

3º Rali de Inverno - Pico Automóvel Clube

 

Reportagem: Miguel de Sousa Azevedo - "a UNIÃO"
Fotos: Geraldo Pestana

 

A prova que encerrou a temporada picoense de ralis em 2008 foi o palco da primeira vitória absoluta de Tiago Azevedo ao volante. Depois de cerca de duas dezenas de triunfos ao lado de Gustavo Louro, o terceirense – já com títulos nacionais e dos Açores no currículo -, acompanhado por Miguel Melo, dominou o Rali de Inverno, vencendo 9 das 11 classificativas e terminando com 2:29 minutos de vantagem sobre os segundos da geral que seriam Aquilino Bettencourt e José Lopes, num bom regresso à actividade do piloto de São Roque. O pódio final ficou completo com o Fiesta 1200 do talentoso César Neves que, novamente com o popular Carlos "Sabina" a seu lado, conseguiu "in-extremis" tirar o terceiro lugar ao Ibiza Cupra de José Andrade. O Top-5 teve outra presença terceirense com Isaías Costa a estrear da melhor forma Hugo Couceiro como navegador no habitual Corolla GT. Terminaram o rali 13 das 21 equipas iniciais.

A festa começou a aquecer com uma pequena super-especial, desenhada no terreno onde já "morou" o campo de futebol das Lajes do Pico. Com um traçado sinuoso, mas bom piso de terra, os cerca de 400 metros levaram muito público até à vila baleeira. Duas passagens corridas e, apesar de Tiago Azevedo ter feito o tempo mais rápido do conjunto, era Narciso Martins quem liderava, depois do homem do Subaru ter deixado calar o motor na segunda passagem. Fábio Silva era o segundo da geral, iniciando uma boa exibição, e o Fiat Tipo de Paulo Vieira fechava o pódio. Aplausos em dose maciça para as três vezes que Ricardo Moura entrou em cena, com a curiosidade do campeão arrancar uns metros antes da partida do troço…para entrar já de lado na primeira curva! Também Isaías Costa arrancou palmas à assistência que, certamente, ficou cativada para se deslocar às PE's do dia seguinte.

Na manhã de sábado a primeira vitória do dia foi de Narciso Martins. Entrando bem no rali, o homem do EVO cinzento bateu Tiago Azevedo (que voltou a ver desligar-se o carro a meio do percurso) por 3,5 segundos, mas teria pouca sorte na PE seguinte ao não conseguir evitar uma ligeira saída, que resultou num atribulado "mergulho" do Lancer para uns metros abaixo do nível da estrada. Sem grandes danos à vista foi uma obra de engenharia retirar o carro do local!

Com Narciso de fora Tiago Azevedo geriu da melhor forma o resto do rali, vencendo sempre e aproveitando para rodar, em grande estilo saliente-se, e demonstrando todos os seus dotes. Fábio Silva foi regularmente segundo, mas a rotura do depósito do 205 laranja acabou por resultar na perda de um lugar no pódio e do título de campeão local. Aquilino Bettencourt aproveitou para subir até segundo, com a luta pelo terceiro lugar a perder o rápido Paulo Vieira, que voltou a ter problemas depois de um rali em grande forma. José Andrade perdeu para César Neves e Isaías Costa fez um bom rali no Pico. Marco Silva foi o sexto, estreando com bons tempos o Saxo ex-Nuno Silva. A opção do seu navegador em usar umas originais notas "desenhadas" em folha A4 revelou-se um dado impagável entre a caravana! Paulo Costa foi sétimo com o seu novo Suzuki Swift, na frente de Mário Teixeira e de Bertino Mendonça.

A prova resultou em pleno para movimentar a vila das Lajes, tendo terminado em bom nível a temporada a cargo do PAC, conforme foi confidenciando Ruben Macedo, o rosto de uma jovem equipa que, com o apoio presente do TAC, vai levando a bom porto as suas organizações. Pela nossa parte as palavras são de incentivo…e de agradecimento pelos gentis convites.

 

Classificação Geral

 

1º Tiago Azevedo/Miguel Melo Subaru Impreza 555 23:44
2º Aquilino Bettencourt/José Lopes Peugeot 205 GTI 26:13
3º César Neves/Carlos Sequeira Ford Fiesta 1.2 27:12
4º José Andrade/Gilberto Andrade Seat Ibiza Cupra 27:14
5º Isaías Costa/Hugo Couceiro Toyota Corolla GT 27:38
6º Marco Silva Hugo Goulart Citroen Saxo Cup 27:52
7º Paulo Costa/Pedro Capela Suzuki Swift 1.3 28:16
8º Mário Teixeira/Diogo Neves Peugeot 106 1.4 28:27
9º Bertino Mendonça/José Gomes Renault 5 1.7 29:44
10º Paulo Silva/Pedro Freitas Toyota Corolla GT 29:45
11º Marco Santos/Bruno Santos Opel Corsa GSi 29:51
12º Luís Melo/Hugo Ferreira Renault Clio 1.4 30:52
13º Marco Macedo/Eugénio Bettencourt Peugeot 309 1.4 41:30


Narciso Martins campeão!

 

Narciso Martins (Mitsubishi Lancer EVO7)
 

Apesar da desistência logo ao início da manhã de sábado Narciso Martins garantiu o título de campeão de ralis do Pico em 2008. Beneficiando dos problemas que impediram Fábio Silva de pontuar pelas terceira vez, valeram as duas vitórias (Primavera e Verão) já alcançadas para o terceirense - radicado na ilha montanha há cerca de 20 anos – ser o melhor da tabela final, mesmo se a derradeira prova não correu bem. Num ano em que voltou a correr na Terceira fica no ar a dúvida do que Narciso poderia fazer em termos de ralis federados, provas em que já não corre há uns anos e para as quais o seu EVO7 não tem as especificações necessárias, mas o bem sucedido empresário prefere levar na desportiva e no companheirismo esta forma de estar na modalidade. E como bem o compreendemos…

 

Mais um "show" de Moura! 
 

 

Ricardo Moura sempre em forma e apto a dar espectáculo...

 

Ricardo Moura voltou ao Pico e continua a festejar pelos Açores dos ralis a conquista do primeiro título absoluto. Desta feita acompanhado pelo patrão da FTE, Costa Martins, o campeão 2008 deu um recital de condução na sexta à noite e prosseguiu a festa nas classificativas de sábado, referindo-se aos troços utilizados como "excelentes, apesar de algo curtos", mas sempre manifestando "disponibilidade total" para ajudar na divulgação de iniciativas valorosas como têm sido as provas do Pico Automóvel Clube. Depois de campeão, está um verdadeiro embaixador dos ralis este nosso Ricardo…


Sancho Eiró "Papá"... 
 

Sancho Eiró, ol navegador de Ricardo Moura.

 

No dia que antecedeu a partida deste Rali de Inverno nasceu mais um sucessor de peso nos ralis açorianos. 51 cms e 3,400 kgs são os "dados" iniciais do Afonso, o primeiro filho de Sancho Eiró, navegador recém campeão e braço direito de Ricardo Moura desde 2005. Num ano de sucessos para o ainda jovem micaelense aí está mais um motivo de alegria, pelo que "a UNIÃO" deseja as maiores felicidades aos pais e ao jovem rebento.


 

24.Nov.08

Lavadinho: Grandes fotos de pai e filho...

Uma das primeiras imagens que me enviou o João Lavadinho...

 

João e André Lavadinho são dois nomes que os adeptos dos ralis nacionais já se habituaram a associar a grandes fotos da modalidade. O pai, João, é um dos históricos nas funções de fotógrafo de ralis entre nós, com já algumas décadas e milhares de instantâneos de diversas modalidades motorizadas. O filho, André, é um jovem protento, não sendo exagero referí-lo como um dos mais talentosos fotógrafos desportivos da nova geração. E a sua aceitação fora de Portugal bem o comprova...

Conheci-os há cerca de seis anos, no início de uma época em que fui o "press-officer" de serviço do Gustavo Louro numa azarada participação no nacional de ralis. O João Lavadinho disponibilizou-me então belíssimas fotos do pouco fiável EVO 6 de grupo A, e daí nasceu uma amizade onde as conversas sobre carros marcam o timbre. Uns anos passados, e já com o jovem André em grande plano, é finalmente possível ter uma grande galeria de ambos na net, com fotos em Portugal e no estrangeiro, pelo que a visita - por si só - dispensará mais elogios...

 

Vista geral da galeria on-line www.lavadinho.com 

24.Nov.08

A rica mesquita do regime...

A sumptuosa mesquita Al-Saleh, no Iémen...

A mesquita Al-Saleh, inaugurada este fim-de-semana no Iémen, custou quase 50 milhões de euros. O elevado valor torna-se ainda mais chocante quando comparado com o nível de vida dos iemenitas que vivem no país mais pobre do mundo árabe.

 

O presidente Ali Abdullah Saleh, que deu o nome à mesquita, foi o principal responsável pela obra, destinada a cerca de 40 mil fiéis. Os clérigos islâmicos estão ao seu lado, mesmo que esta seja considerada mais uma prova do desejo de omnipresença do presidente.

Vários hospitais, escolas e estádios foram já baptizados com o nome de Saleh. Agora foi a vez da nova mesquita da capital, Saná, onde se podem ver vários cartazes gigantes só com a fotografia do presidente.

Segundo um relatório da ONU, 37 por cento dos 22 milhões de iemenitas estão subnutridos e cerca de 46 por cento vive abaixo do limiar da pobreza...

 

Mais fotos da mesquita aqui .

 

Pág. 1/7