Miguel Sousa Azevedo

Create Your Badge
Terça-feira, 30 de Maio de 2006

Um Poema para o dia 30 de Maio de 2005.

FOI UM DIA DE INÚTEIS AGONIAS (Camilo Pessanha)

Foi um dia de inúteis agonias,
Dia de sol inundado de sol.
Fulgiam nuas as espadas frias.
Dia de sol inundado de sol.

Foi um dia de falsas alegrias:
Dália a esfolhar-se, o seu mole sorriso.
Voltavam os ranchos das romarias.
Dália a esfolhar-se, o seu mole sorriso.

Dia impressível, mais que os outros dias,
Tão lúcido, tão pálido, tão lúcido!
Difuso de teoremas, de teorias.

O dia fútil mais que os outros dias.
Minuete de discretas ironias!
Tão lúcido, tão pálido, tão lúcido!

publicado por MSA às 17:07
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 29 de Maio de 2006

(in)dieta do fim-de-semana...

6ª feira (noite)-Despedida de um Amigo que vai reencaminhar a vida durante uns tempos fora da nossa ilha.

Sábado (tarde)-Almoço na esplanada do Snack Bar Rocha (Porto Judeu).

Sábado (final de tarde/noite dentro/manhã)-Casamento dos meus Amigos Romana e Marco "Brilhante"-Clube Musical Angrense.

Domingo (tarde)- "Churrasquito" de aniversário do Amigo Roberto.

Domingo (final de tarde)- Toiros na Canada Nova de Santa Luzia.

E hoje já fui almoçar os "cavacos" do churrasco de ontem e, daqui a pouco, vou para os toiros do Pico da Urze.

Nota (do autor do blog para ele mesmo...): Não andes a pé esta semana. Não andes...

publicado por MSA às 17:22
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Duas "coisas" de carros...

Primeiro Armindo Araújo perdeu o Rali do "FCP". Ganhou-o na estrada, mas viria a penalizar por avanço no P.A. final (devido a um erro do navegador Miguel Ramalho), entregando, de bandeja, a um Miguel Campos que já levantara a suspeita do EVO 8MR do campeão nacional estar fora das regras. E, mesmo depois de ganhar, ainda veio dizer que a penalização foi premeditada para impedir uma verificação final. Pois claro, iam logo penalizar dez minutos de propósito...e para ficar fora dos 15 primeiros. Sim, sim...

Segunda coisa, e muito mais sentida. A homenagem de Sábado ao meu amigo Carlos Soares foi sentida, participada e comovente. Não podendo estar presente a 100% ( única forma em que sei participar das coisas...), pois tive um casamento de uns amigos que "vendiam" felicidade festa dentro, gravei o texto que escrevi para evocar o acontecimento, que foi depois ouvido pelos presentes. Gostei de me associar a uma lembrança pura e feita de amor. 

publicado por MSA às 17:12
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 26 de Maio de 2006

O Rali com mais "pinta"...

Amanhã, e pela primeira vez nos últimos seis anos, não estarei presente no Rali do F.C. Porto, a terceira prova do Nacional de ralis'2006. Corrido nos arredores de Fafe, outrora (e talvez ainda...) a "catedral" dos ralis portugueses, o rali do clube azul e branco representou sempre a a oportunidade de estar em sítios (embora com outros carros e muito menos gente...) que sempre quis visitar como a zona do Confurco (a célebre passagem terra/asfalto/terra...) ou o salto final da Lameirinha. Aliás se a qualquer adepto dos ralis portugueses falarmos nestes quatro nomes: Montim, Vizo, Lameirinha e Luílhas, a resposta é imediata:-Fafe!

De volta à memória aparecem as imagens do mítico Rali de Portugal/Vinho do Porto e do posterior "Tap". Saudades de um tempo que já passou e que, provavelmente, nunca terá semelhança no que se prevê possa ser o Rali de Portugal "algarvio" que tanto se anuncia.

Mas, e para esta edição do Rali do "FCP", tenho um desejo. Ver o meu amigo Armindo Araújo a vencer pela primeira vez em Fafe, o território de excelência de Fernando Peres, e onde Miguel Campos também não vai vender barata nova derrota. A antevisão da prova pode ser lida aqui, sob a batuta conhecedora do José Bandeira. Ou pela pena certeira do Zé António Marques.

Bom rali!

Nota: As imagens são "fresquinhas" do Shakedown desta manhã. Estão no Ralis Online, do Paulo Homem. Já agora, e se quiserem ver um completo guia do rali, vejam a "obra prima" dos meus caros amigos do Alta Rotação. Esmeraram-se, sim senhor! Está aqui...

publicado por MSA às 17:58
link do post | comentar | favorito

Memória e amizade…com saudade. (crónica)

As datas têm o valor que lhes queiramos dar e, muito provavelmente, é no dia que se comemora ou recorda alguma coisa que menos se sentirá sobre ela. Não fosse o facto de se proporcionarem homenagens ou outras formas de relembrarmos alguém ou um acontecimento. Falar ou escrever sobre as pessoas que já não estão entre nós tem também um sabor amargo e, quase como obrigação, sentimo-nos inclinados a apenas versar as suas qualidades e as atitudes de valor. Mas o que fazer quando esse alguém tinha um coração do tamanho do mundo e uma amizade para dar e vender ao longo dos anos? Apenas isso, reter as lágrimas e relembrar as imagens e o património construído pela vida. Entre o qual se contam as horas (sempre poucas…) de convívio e os episódios marcantes ou que puxem um sorriso.
O T.A.C.-Terceira Automóvel Clube comemora hoje 31 anos de existência. Junto com essa data passa o 52º aniversário de um dos seus presidentes mais lembrados: O Carlos Soares. O facto por si só seria digno de nota, dado que Presidente e clube partilharam (de 1982 a 1986) uma data festiva. Mas este ano o dia aviva-nos a memória e relembra-nos que o Soares (foi sempre assim que o chamei…) nos deixou faz agora quase meio ano. E deixou-nos de uma forma tão rápida e inesperada que, tal como a ânsia de amizade e vida que ele tinha, muitos nem foram a tempo de se despedir. De lhe dar um abraço sentido. De lhe dizer que, por tudo, tinha valido a pena…
O Carlos Soares foi mais um da já longa galeria de presidentes que teve o clube mas a ele, e inserido no grupo que sempre soube representar, se deve uma quota parte da construção da sede da colectividade, bem como da posterior ampliação, cerca de uma década depois. Mas será talvez o que mais carisma fez passar pela forma como desempenhou o cargo. Não tivesse sido tão sentida a forma como também o abandonou. Muito por que os tempos eram outros. As idades e as solicitações de uma década de 80, onde custava demais fazer fosse o que fosse nesta terra, serão marcos para um conjunto grande de homens e mulheres que lutaram pela sua paixão pelos automóveis. E, como em tantos outros clubes, pela vontade de partilharem uma mesma paixão com o grande público.
Não podia deixar de, dedicando estas simples linhas ao meu saudoso amigo, relembrar alguns dos episódios que, amiúde, me fazem recordá-lo com nostalgia. Desde o T.A.C. que andou com a casa “às costas”, e que se resumia a um conjunto de capas e pastas que visavam levantar organizações, até aos concertos dos meus amigos “Os Sobredotados” onde, já noutra fase, os olhos do Soares brilharam pela prestação do seu filho Miguel. Lembro-me do único rali que ele disputou, que foi o último em que participou o meu Pai (o 1º Rali Sical, em Abril de 1982), pois desistiram na 2ª etapa e, dizia sempre o então estreante navegador: “…logo agora que eu me estava a entender com as notas…”. A ele também se deverá o início do ciclo “Sical” nos ralis da Terceira, pois acolheu e exaltou um novo patrocinador, incentivando a continuidade da parceria. Quem não se recorda da Conferência de Imprensa do Ilha Lilás’86 (patrocinado pelos Chocolates Imperial), realizada numa Câmara Frigorífica da “Fripraia” em jeito de grande encenação. Ou do Circuito “Galp” das Sanjoaninas desse mesmo ano, um evento inovador e que também teve o seu “dedo”. Não deixo de ter presente a faceta de artista, representando com prazer- de preferência em registo cómico-, que mais não fosse uma singela fantasia de Carnaval. Aliás foi com um espírito festivo notório que o Soares contribuiu também para o clube em causa ou para outras instituições. Gostava de pôr as festas de pé e de as organizar a preceito, dividindo-as com quem aparecesse. E o simples gesto de atenção que tivesse, era sentido ou não existiria.
Ainda há uns dias me ligou o meu caro amigo José Silva, da R.T.P., que me perguntou o seguinte: “Ó Miguel, reparei que me chama sempre José Francisco, o que pouca gente faz. Porque é?”. Apenas lhe respondi: “Sabes…na casa do Soares era assim que te chamavam”. E ficou entendida a questão, sendo que ouvi do outro lado: “…pois, o meu rico amigo…”.
O nosso rico amigo Carlos Soares. Que relembramos com a velocidade de uma vida que não nos dá tempo para fazer tudo que ambicionamos. Por realizar ficou o projecto de juntar de novo a dupla número 8 do 1º “Sical” para uma participação esporádica noutro rali, não ficando por fazer a homenagem devida e de vontade que o clube dedica ao seu antigo dirigente. A sala de visitas do T.A.C. vai passar a ter o seu nome e a sua presença em alma da sua pessoa far-se-á assim de forma efectiva. E foi se calhar em nome de muitos sócios anónimos, de um clube e da vida, que me atrevi hoje a alinhar estas palavras com saudade. Saudade do tal tempo que não volta. E de um amigo de olhar terno e abraço sincero. Que, espero, esteja em Paz.

publicado por MSA às 12:51
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 25 de Maio de 2006

Pequeno "post-it".

Mandaria qualquer um recado. Desde que fosse para ser dito pelos teus lábios.
publicado por MSA às 17:27
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Horários.

Faltará muito para o sol ir descendo ao mar na Foz do Douro?...

Estará vento?...

publicado por MSA às 17:25
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Flying Lamy...!

Vejam o voo de Pedro Lamy, ao volante do Aston Martin, nos treinos da corrida do ALMS (American Le Mans Series), do Mid-Ohio Raceway...!
publicado por MSA às 11:57
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 24 de Maio de 2006

Angra e Praia (Videos).

O Mário Rui já disponibilizou no site da rádio também um video da Praia da Vitória.
publicado por MSA às 15:58
link do post | comentar | favorito

Uma estrada em "alta"...

Vou, daqui a pouco, para uma conferência de imprensa, promovida pelo PSD-Terceira. O assunto em causa será a Estrada Regional Angra/Praia (ou Praia/Angra, conforme a viagem...) e, presumo eu, a sua polémica re-asfaltagem. Polémica como têm sido todas as anteriores. É que, com o aumento incessante de carros e tráfego automóvel na Terceira, a tendência é para uma mais rápida degradação das estradas. No tocante à sua recuperação a evolução tem sido ao contrário...e repetem-se as camadas sucessivas de asfalto por cima da estrada destruída. No caso da Regional em questão, a altura em relação à valeta cresceu tanto nas últimas duas décadas que prevejo, daqui por 40 anos, portas sem abrir ou janelas meio-tapadas...
publicado por MSA às 12:22
link do post | comentar | favorito

Um Poema para o dia 24 de Maio de 2006.

SOLIDÃO (Pedro Homem de Mello)

Ó solidão! À noite, quando, estranho,
Vagueio sem destino, pelas ruas,
O mar todo é de pedra... E continuas.
Todo o vento é poeira... E continuas.
A Lua, fria, pesa... E continuas.
Uma hora passa e outra... E continuas.
Nas minhas mãos vazias continuas,
No meu sexo indomável continuas,
Na minha branca insónia continuas,
Paro como quem foge. E continuas.
Chamo por toda a gente. E continuas.
Ninguém me ouve. Ninguém! E continuas.
Invento um verso... E rasgo-o. E continuas.
Eterna, continuas...
Mas sei por fim que sou do teu tamanho!

publicado por MSA às 11:59
link do post | comentar | favorito

"Eliza": um protento da nossa corda...

Eliza nas Figueiras do Paim'2005

Foto: Toiros e Paixão.

publicado por MSA às 11:27
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Cocaína "à solta" na Terceira...

O assunto foi veiculado com estrondo na Comunicação Social de ontem e, quer parecer-me, com mais estrondo que assunto...senão vejamos:

Citação: "O preço do grama de cocaína desceu nos mercados da Terceira e Graciosa pelo menos noventa por cento.
Desde há cerca de dois meses que o grama é vendido nos circuitos habituais a cerca de 40 euros, quando antes deste “saldo” o custo habitual oscilava entre 400 e 500 euros por grama.
São também relatados casos de venda de cocaína ao copo (copos de plástico habitualmente utilizados para vender cerveja), por vinte euros cada unidade.
No primeiro caso – venda a 40 euros –, trata-se do mercado a funcionar face a uma enchente de produto nas duas ilhas, enquanto que no segundo caso, segundo as nossas fontes, estar-se-á perante pessoas que não conhecem o valor da “coca” no mercado."

Comentário ao artigo do D.I. : Não sei onde foram buscar estes preços, mas as versões rádio e papel da notícia não foram unânimes nos valores.

Citação: "Segundo as nossas fontes, a ilha Terceira terá sido inundada com cerca de 150 quilos de cocaína que terá dado à costa e não terá sido entregue às autoridades.
Na Graciosa estarão “à solta” cerca de noventa quilos da mesma proveniência.
Era hábito as pessoas recolherem a droga que dá à costa e entregarem-na às autoridades, mas o conhecimento do valor do “produto” terá incentivado alguns “achadores” à procura de clientes para os achados."

Comentário ao artigo do D.I. : Como é que podem afirmar isto e baseado em que fontes? Tentaram delatar alguém? Não entendo...

Citação: "As nossas fontes garantem que na Terceira e na Graciosa não há consumidores que cheguem para tanta droga. O caso mais grave é a Graciosa, que apenas tem quatro mil habitantes e poucos consumidores.
As fontes que nos forneceram informações estão convencidas que o produto está a circular para outras ilhas, particularmente para S. Miguel, onda a “coca” atinge valores apetecíveis devido a apreensões sucessivas registadas nos últimos meses.
É também provável, adiantaram, que o mercado continental esteja a receber droga açoriana, uma vez que o preço de 100 euros por grama praticado nas ruas de Lisboa é interessante para quem recebe droga de graça, trazida pelas ondas.
Ainda de acordo com as nossas fontes, muita da droga que tem dado à costa pode nem sequer estar disponível, permanecendo armazenada até que o mercado estabilize e os preços voltem a normalizar.
Segundo peritos, só uma apreensão significativa pode agora fazer subir os preços."

Comentário ao artigo do D.I. : Estará a comunicação social interessada realmente numa apreensão? Ou é melhor ter assunto amiúde para uns títulos bombásticos?...

publicado por MSA às 11:15
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 23 de Maio de 2006

Apartamento.

Uma forma encontrada pelos promotores imobiliários de pouparem dinheiro. E de os incautos se imiscuirem, sem retorno, nos vastos mundos da evolução e da modernidade...

Lá dizia um bom amigo meu: "Hei-de ter uma casa minha quando o que estiver debaixo do chão dela também for meu...". Acho que ele agora tem um apartamento.

publicado por MSA às 17:15
link do post | comentar | favorito

Paixão.

Mais que um antigo sucesso dos "Heróis do Mar" é uma coisa que vamos vivendo todos os dias. Em busca de uma perfeição que nunca existe, mas que está mesmo ali à frente...
publicado por MSA às 16:36
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 22 de Maio de 2006

Dois breves comentários a Petit...

O médio Petit desmistificou hoje a fama de ser um futebolista excessivamente duro e considerou que há piores nesse aspecto."Há jogadores que dão mais porrada do que eu, mas falam muito de mim e desse aspecto porque jogo num grande", frisou o médio, que conta 34 internacionalizações "AA", acrescentando: "Não me importo com o que dizem, pois tenho as costas largas".

Comentário: Pois, pois. E canelas duras também...

Segundo Petit, nascido há 29 anos na cidade do Porto, a sua forma de jogar foi sempre a mesma: "Já jogava desta forma no Boavista, estive no Mundial'2002 e não vi qualquer cartão amarelo".

Comentário: e assim vai vingando o epíteto "Caceteiro do Bessa"...

publicado por MSA às 18:42
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Diego: o "quase" 10 do FCP...

Diego saiu do Futebol Clube do Porto. Vai para o Werder Bremen, da Alemanha 

Provavelmente triste por não ter demonstrado as suas qualidades. Provavelemente deixando a dúvida entre (alguns, não que eu...) os adeptos sobre essas mesmas qualidades. Provavelmente novo demais para saber que também não valem somente as qualidades... Mas que foi, foi.

publicado por MSA às 16:40
link do post | comentar | favorito

As explicações de Mr. Adriaanse.

Contido e inteligente, mas sem "esconder" o jogo. A entrevista de Co Adriaanse a "O JOGO" de hoje revela o lado que os adeptos não tiveram quase tempo de conhecer. Principalmente os que, tal como eu, o quiseram crucuficar logo ao início. As explicações são óbvias e eloquentes e, vindas de quem ganhou dois títulos entrando às cegas no futebol luso, demonstram o carácter e o profissionalismo do "mister" holandês. Só não lhe perdoo a saída de Jorge Costa. E continuo a achar que Diego tinha espaço no F.C. Porto...além de que faz anos no mesmo dia que eu!
publicado por MSA às 16:11
link do post | comentar | favorito

Curto resumo do Festival Taurino.

A época taurina açoriana de praça começou oficialmente ontem. O Festival dos Forcados da Tertúlia Tauromáquica Terceirense foi integrado na Agroter’2006 e incluiu concurso para 6 ganadarias locais. Em praça três cavaleiros e o grupo organizador da festa, num evento que teve uma casa agradável numa tarde com algum sol.

O primeiro na arena da monumental Ilha Terceira tinha ferro “Rego Botelho” e foi lidado sem dificuldades por Carlos Alves. Para a primeira pega o cabo terceirense Adalberto Belerique, acompanhado na formação pelos seus antecessores António Baldaya e João Hermínio. Pegou, bem ajudado, à segunda tentativa.

A seguir correu-se o exemplar da Casa Agrícola José Albino Fernandes que viria a ser o premiado da tarde. Gilberto Filipe brindou a Rui Lopes e teve lide com altos e baixos. Na pega Marco Sousa foi firme na primeira tentativa.

O terceiro da ordem deu início à prova de praticante do jovem Rui Lopes, que alinhou bons pormenores. Frente ao bonito toiro de Ezequiel Rodrigues, Marco Fontes só se fechou à segunda, mas aguentou fortes derrotes laterais.

Depois do intervalo regressou Carlos Alves para uma sequência de ferros limpos, frente a opositor de Francisco Sousa. Jorge Ortins partiu determinado para a cara e lá se firmou na quarta pega da tarde.

O quinto da corrida foi de Humberto Filipe, tendo o cavaleiro Gilberto, e também Filipe, exagerado um pouco no estender do tempo em praça. Mostrando grande forma João Pedro Ávila quase saiu do toiro mas foi bem ajudado, depois de rija luta.

Para terminar, de novo Rui Lopes, talvez na melhor apresentação que teve, e um exemplar de João Quinteiro. Esteve bem o cavaleiro, e muito bem o forcado Leonardo, que se fechou com vontade para terminar a festa.

Em suma uma boa forma de começar a temporada, apenas faltando mais público, num espectáculo que serve sempre para abrir o apetite, pensando nas corridas da Feira de São João.MSA.

Nota: De referir ainda a sentida despedida do forcado Luís Filipe Cunha, um grande companheiro, e o mais antigo membro do grupo da Tertúlia em actividade. Despiu a jaqueta depois de quase duas décadas a defender a arte de pegar toiros. Um grande abraço, Luís!

publicado por MSA às 12:24
link do post | comentar | favorito

Toiros e Paixão.

Renovado, mas sempre apaixonado pela Festa Brava, o site do João Pedro Couto e do Nuno Cardoso. Continuem que a malta agradece!
publicado por MSA às 11:32
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 19 de Maio de 2006

Apoios duvidosos.

Sou fã convicto de Pauleta. Mas, e apesar de achar que estas decisões passam ao lado do jogador, considero que o Governo Regional se está a "encostar" deliberadamente à sua imagem de desportista de sucesso. Isto dá que pensar...
publicado por MSA às 17:36
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Mais um para o "Clube"...

Esta noite tenho a Despedida de Solteiro do meu amigo Marco Vieira "Brilhante". Portanto, qualquer eventual encontro com um autocarro pejado de cerca de três dezenas de trintões e pré-trintões ligeiramente "tocados" é, de todo, possível em qualquer ponto da ilha Terceira...

Ao Marco e à Romana, desde já, desejos de uma vida feliz e repleta de Paz.

publicado por MSA às 16:14
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Coimas*

Depois de conhecida a vontade estatal (leia-se Governo de Sócrates...) em multar os incautos que se aventurem no mar sob a vigência de bandeiras vermelhas (sabem, em Portugal só existem praias vigiadas...) ou pratiquem outras acções de risco nas zonas balneares, e com "simpáticas" quantias, que poderão ir dos 55 aos 1000 euros, recebi há pouco uma lista de actividades "multáveis" (existirá a palavra, ou ainda recebo uma contra-ordenação?...), que passo a citar, assim como os respectivos valores propostos:

- Uso de meia branca com sapatinho escuro (cem a mil euros).
- Bigode à futebolista dos anos oitenta (duzentos a 2000 euros).
- Coçar os genitais em público (150 a 1500 euros).
- Utilização do colete reflector nas costas do banco do condutor e/ou CD pendurado no retrovisor (120 a 1200 euros).
- Passear de fato de treino por centros comerciais ao fim de semana (quatrocentos a 4000 euros).
- Raparigas com excesso de peso envergando roupa apertadíssima (130 a 1300 euros).
- Uso de óculos de sol em discotecas e restaurantes (quinhentos a 5000 euros).
- Utilização das expressões “prontos”, “portantos”, “stander de automóves”, etc... (140 a 1400 euros).
- Uso de sandália com peúga (trezentos a 3000 euros).

*-Recebido por email.

Depois digam que não somos amigos...ou que não temos bom gosto.


 

publicado por MSA às 15:53
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 18 de Maio de 2006

Um Poema para o dia 18 de Maio de 2006.

AMOR (Jorge de Sena)

Amor, amor, amor, como não amam
os que de amor o amor de amar não sabem,
como não amam se de amor não pensam
os que de amar o amor de amar não gozam.
Amor, amor, nenhum amor, nenhum
em vez do sempre amar que o gesto prende
o olhar ao corpo que perpassa amante
e não será de amor se outro não for
que novamente passe como amor que é novo.
Não se ama o que se tem nem se deseja
o que não temos nesse amor que amamos,
mas só amamos quando amamos o acto
em que de amor o amor de amar se cumpre.
Amor, amor, nem antes, nem depois,
amor que não possui, amor que não se dá,
amor que dura apenas sem palavras tudo
o que no sexo é sexo só por si amado.
Amor de amor de amar de amor tranquilamente
o oleoso repetir das carnes que se roçam
até ao instante em que paradas tremem
de ansioso terminar o amor que recomeça.
Amor, amor, amor, como não amam
os que de amar o amor de amar o amor não amam.

publicado por MSA às 17:58
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Transfer.

Está um dia lindo. E uma cara.

O sol já não foi o mesmo na viagem para baixo.

publicado por MSA às 10:43
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 17 de Maio de 2006

As "cores" do João Monja...

A Câmara Municipal de Angra do Heroísmo inaugura hoje, pelas 20h00, a exposição de fotografia “Welcome… to the Azores (Northern Macaronesia)”, do meu amigo João Monjardino. A mostra fotográfica retrata aspectos do arquipélago açoriano de uma beleza surpreendente, e pretende ser um roteiro visual pelas nove ilhas, podendo ser visitada até ao próximo dia 10 de Junho, no Centro Cultural e de Congressos.

Aqui fica o que o João escreveu sobre a sua exposição:

"Sem truques e para o observador atento, aqui está o charme “low-tech” das ilhas do Arquipélago dos Açores no Norte da Macaronésia... Welcome!

Sol, tinta e asseio são os ingredientes da receita infalível para valorizar estes recantos parados no tempo, porque o resto... o resto está lá à espera dos apreciadores da simplicidade.

Dos velhos guarda-corpos de beira-mar à manutenção em uso dos antigos marcos de correio e sinalética informativa, passando pela arquitectura popular e pela introdução de alguma cor na arquitectura pública e religiosa, o presente trabalho demonstra que a valorização pode ser feita com poucos recursos desde que haja o que tantas vezes nos falta: o bom gosto.

Embora o Sol não abunde nos Açores, quando aparece revela belíssimos pormenores e uma gama cromática de grande força e saturação. É uma festa! Vale a pena esperar pelo que a luz desenterra da vasta gama de cinzentos que acompanha o dia a dia das ilhas Açoreanas. Tal como a alma Portuguesa das gentes locais, as ilhas explodem em cor ao toque da luz solar. E é este clima incerto aliado ao elevado custo das viagens aéreas para o Arquipélago que, felizmente ou infelizmente, o mantém desalinhado do turismo em grande escala.

De todos os territórios da Macaronésia; Açores, Madeira, Canárias e Cabo Verde; o Arquipélago dos Açores, por estar mais a Norte, é o menos abençoado pelo bom tempo. Para o visitante um simples impermeável no fundo da mala resolve-lhe o problema… para aquecer, festas e excessos de Verão não faltarão. Do princípio de Junho até ao pico da “hurricane season”, na segunda semana de Setembro, não há descanso para quem tem vontade, idade e saúde para esbanjar. Divirtam-se!!!

João Monjardino"

E o link para verem algumas das suas imagens...

publicado por MSA às 17:39
link do post | comentar | favorito

...

A manta de retalhos em pormenor...
publicado por MSA às 15:55
link do post | comentar | favorito

Suspiro.

Sei que ainda faltam algumas horas. Mas são daquelas em que queremos fazer tudo ao mesmo tempo e ainda disfarçar as lágrimas.

Por isso suspiro.

publicado por MSA às 15:45
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 16 de Maio de 2006

Mudança urbana na Praia da Vitória.

O centro urbano da Praia da Vitória vai ser alvo de obras de requalificação, num investimento orçado em 1,5 milhões de euros, anunciou o presidente da autarquia.

Roberto Monteiro adiantou que o projecto tem como objectivo principal "tornar mais funcional a circulação de peões, incluindo os deficientes, e aproximar os serviços camarários da população".

"Para além do alargamento de eixos viários e passeios, serão criados acessos para deficientes, recuperados edifícios e abertos quiosques, esplanadas, um palco para espectáculos e uma zona de lazer para idosos".

De acordo com Roberto Monteiro, a praça Francisco Ornelas da Câmara, a principal da cidade, será a "montra" da Praia da Vitória e ali deverão ficar sedeados os serviços do município que estão mais directamente ligados ao contacto com o público.

"Serão feitas propostas aos proprietários para venderem os imóveis desabitados que albergarão os serviços camarários, e ao mesmo tempo, a câmara vai contactar os cidadãos residentes no centro da cidade "sensibilizando-os a usarem os apoios em vigor para a requalificação das suas habitações".

Roberto Monteiro disse, ainda, que a primeira fase da intervenção vai abranger as ruas e os passeios, sendo de prever que "venham a ser reduzidas as zonas de estacionamento automóvel no centro da cidade, passando a haver a alternativa de estacionar em dois novos parques".

A requalificação vai, também, abranger a colocação de novo e mais moderno mobiliário urbano, bem como a remodelação de toda a iluminação pública com o objectivo de "iluminar melhor gastando menos electricidade", acrescentou.

O projecto de requalificação do centro urbano da Praia da Vitória é hoje debatido com comerciantes e habitantes da zona de forma a "garantir um consenso o mais alargado possível para as alterações que são propostas".

Comentário: Até que enfim que, na Praia, não se pensa só virado para o Mar...

publicado por MSA às 12:11
link do post | comentar | favorito

A Selecção para a Alemanha (2).

Convocados para o Alemanha'2006 (O que é que eu disse?...):

Ricardo G. Redes
Quim G. Redes
Bruno Vale G. Redes
Miguel Defesa
Paulo Ferreira Defesa
Ricardo Carvalho Defesa
Fernando Meira Defesa
Ricardo Costa Defesa
Caneira Defesa
Nuno Valente Defesa
Costinha Médio
Petit Médio
Maniche Médio
Tiago Médio
Deco Médio
Hugo Viana Médio
Figo Médio
Cristiano Ronaldo Médio
Boa Morte Médio
Simão Médio
Nuno Gomes Avançado
Pauleta Avançado
Hélder Postiga Avançado

 

E nada de muitas perguntas, viu?...

publicado por MSA às 11:31
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 15 de Maio de 2006

A Selecção para a Alemanha.

Por acaso esperam surpresas de Scolari? Não se iludam, o homem nem surpreende os adversários. Vai uma aposta?...
publicado por MSA às 18:46
link do post | comentar | favorito

Pesquisa.

Muito sobre a arquitectura portuguesa do século XX.

Comentário/Sugestão que enviei para a Ordem do Arquitectos:

"Sou neto do Arquitecto que fez a reabilitação da Escola Primária Infante D. Henrique (Fernando Augusto de Sousa, falecido em 1996). Gostaria de referir outras obras por ele projectadas (mas de raiz) e que considero poderiam ser boas escolhas também para este vosso levantamento. Acrescento que o meu Avô nasceu no Porto (1913), tendo vindo para a Terceira na década de 40, já depois de ter sido Arquitecto na C.M. do Porto, cidade onde orientou o levamtamento do pelourinho da Sé, uma obra cuja autoria não está bem identificada nos vários sítios onde colhi informação. Na Terceira projectou obras importantes como a antiga Praça Almeida Garrett, em Angra (infelizmente hoje despojada da bonita fonte luminosa por ele idealizada); a Igreja Nova dos Biscoitos (Praia da Vitória); a Fábrica dos Lacticínios da Grota do Vale (Angra), hoje a ser desactivada; as Oficinas originais da Empresa de Viação Terceirense; todo o Parque de Celeiros de Angra (hoje à espera de ser aterrado para a construção de uma urbanização), na Avenida Infante D. Henrique; ou o Monumento de Homenagem a Almeida Garrett que está no Jardim Duque da Terceira (Angra).

Com os melhores cumprimentos e esperando ter contribuído para este projecto impressionante.

Miguel de Sousa Azevedo."

publicado por MSA às 12:55
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Angra serena...

Um video simples e acolhedor de Angra do Heroísmo. Pelo colega Mário Rui Lourenço.
publicado por MSA às 11:19
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Ontem, no Jamor.

Dobradinha.

Dobradinha.

Dobradinha.

 

publicado por MSA às 10:45
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 11 de Maio de 2006

A "verdade" de Carrilho...

Manuel Maria Carrilho foi, até hoje, um político quase sempre impopular e ridículo. E que tinha uma mulher bonita. Mas isso foi até hoje. Agora, Carrilho é um político que foi sempre quase impopular e ridículo...só que escreveu um livro a comprová-lo...!

Continua a ter uma mulher bonita.

publicado por MSA às 17:15
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Shopping-Post...

Para os "sapatilho-dependentes"...
publicado por MSA às 11:37
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 10 de Maio de 2006

Frase.

A 10 de Maio de 1958 (faz hoje 48 anos) Humberto Delgado, candidato da Oposição Democrática à Presidência da República, pronuncia, na conferência de Imprensa do Café Chave d'Ouro (Lisboa), a frase "Obviamente, demito-o", falando sobre Salazar...
publicado por MSA às 11:09
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 9 de Maio de 2006

Uma oferta...

Um dia destes hei-de dar-te um lindo raio de sol.

Quente e brilhante. Bem afastado de toda esta confusão...

publicado por MSA às 17:17
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 8 de Maio de 2006

High Speed.

Aqui há dias falei-vos de uma acção promocional dos pilotos João Fernado Ramos e António Rodrigues, para a qual tinha sido convidado. Pois bem, o que eu perdi foi apenas isto.

Chamo a atenção para a "pequena" diferença de ritmos entre o piloto-jornalista e o jovem Tozé. Impressionante, não?

publicado por MSA às 16:58
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

step by step...

Como, às vezes, dar um passo custa tanto.

Como, por vezes, o passo dado nem foi o melhor.

Como, tantas vezes, não dar passo nenhum teria sido a melhor solução.

Passo a vez...

publicado por MSA às 16:05
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

.Julho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
17
18
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Festas da Guarita 2017

. A Festa é na Madalena!

. Kodaline - High Hopes

. Gozar (da falta) do sorri...

. Tralha.

. Tiago Valadão venceu na I...

. The Gift - Big Fish

. Angra by Night.

. 9º Rali Ilha Graciosa: Cl...

. Opinião...à distância.

.arquivos

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.quem cá passa

Contador de visitas

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds