Miguel Sousa Azevedo

Create Your Badge
Sexta-feira, 30 de Janeiro de 2015

Entre os campeões.

Cartaz Salão Campeões FPAK 2015.jpg

 

publicado por MSA às 18:57
link do post | comentar | favorito

David Antunes - Hoje não estou p'ra ninguém

publicado por MSA às 14:39
link do post | comentar | favorito

Fal'Arte de Dacosta.

Cartaz falartedacosta.jpg

 

publicado por MSA às 14:15
link do post | comentar | favorito

Obras.

Praça FOC.jpg

Praça Francisco Ornelas da Câmara (Praia da Vitória)

 

As pessoas inteligentes também mudam de opinião. Mesmo quando não se rendem às evidências... 

publicado por MSA às 09:02
link do post | comentar | favorito

Equilíbrio.

Equilibrio AnteroÁvila.jpg

Foto: Antero Ávila

 

Um capricho de luz, no Porto Martins. Parece de propósito...como só a Natureza consegue fazer. 

publicado por MSA às 06:46
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 28 de Janeiro de 2015

Peter, Bjorn & John - Young Folks

publicado por MSA às 20:52
link do post | comentar | favorito

Manifesto 21: Cidadãos alertam para a valorização da ilha e da base das Lajes

Foto Facebook.jpg

Um grupo de 21 terceirenses reuniu-se e criou um manifesto em que são focadas as responsabilidades e emergências do desenvolvimento da Ilha Terceira, tendo como mote a redução da presença norte-americana na base das Lajes. Um documento que pretendem agora ver divulgado e assinado pelo máximo possível de cidadãos.

"Foi uma reunião não partidária, com o único objetivo de criar este alerta à população, num apelo claro e simples à sociedade civil, a que chamamos Manifesto 21", refere uma nota enviada pelo grupo à comunicação social, acompanhando o texto que agora "faremos assinar por todos que estejam solidários com esta forma de juntar consciências para pensar e valorizar a nossa terra", afirmam.

O preâmbulo do documento identifica-o como "um manifesto que reflete preocupações quanto às perspetivas de desenvolvimento da Ilha Terceira, na sequência da decisão de redução da presença militar norte-americana na Base Aérea nº 4 das Lajes. Tendo em conta impactos imediatos, como o aumento do desemprego e a considerável quebra na economia da ilha".

Segundo outorgam, "há responsabilidades dos norte-americanos na Terceira, passados 70 anos da sua presença militar entre nós, e o manifesto toca várias dessas circunstâncias, mas também chama à atenção dos nossos governantes e líderes eleitos. É necessário que sejam encetadas negociações de forma transparente e pública", defendem.

"Trata-se de uma ação simples, que apela ao empenho de todos na sua divulgação, mas que também é clara no repto para que se valorize a Ilha Terceira e as suas potencialidades, nomeadamente o aeroporto e o porto da Praia da Vitória, assim como o manancial de oportunidades que ainda se podem criar e desenvolver", explicam.

"Fazemos exigências como cidadãos, que gostam da sua terra e que se sentem, de alguma forma, desrespeitados, pelos diversos rumos que todo este processo tomou. Em primeiro lugar têm de estar os interesses dos terceirenses, pelo que a nossa sugestão é de que se juntem a nós, como prova de união, para mais uma forma de pressão e entendimento", acrescentam.

Disponível brevemente na net, para a recolha de assinaturas - em www.manifestoterceira.org -, o movimento conta com uma página no Facebook, "que teve quase mil adesões nas primeiras doze horas", diz ainda o grupo.

O documento teve como subscritores originais Bruno Messias, Bruno Nogueira, Diogo Menezes, Félix Rodrigues, Francisco Simões, Guido Teles, Luciano Sales, Luís Leal, Miguel Azevedo, Miguel Linhares, Miguel Rosa Costa, Paulo Noval, Paulo Ribeiro, Pedro Machado, Pedro Pereira, Rogério Sousa, Rui Ataíde, Rui Messias, Tânia Fonseca, Tibério Dinis e Valter Peres.

Manifesto21 jan15.jpg

Logo M21 2.jpg

 

publicado por MSA às 19:44
link do post | comentar | favorito

Candins (10)

Je Suis Base.jpg

O "candim" de hoje partiu mesmo das Lajes, mas da Vila, certamente um dos pontos da Terceira mais atingido com todas estas movimentações, não acolhesse a base militar da controvérsia. Num escrito mordaz, o amigo e antigo deputado regional Clélio Meneses critica alguns dos intervenientes de todo o processo (Cordeiro, César, Machete, Monteiro), e termina assim:

" De todos estes responsáveis sobre aquilo que eles próprios têm de fazer, pouco ou nada se ouve. O que se precisa não é nada disto! O que se precisa é um verdadeiro e eficaz consenso entre todas as partes! O que é essencial é entendimento e não mais conflito, "algazarra" e "bocas"! Não é necessário que alguém fale em si, para dizer que fez ou quer, ou que alguém fale nos outros para dizer que não fizeram ou não querem. O que todos queremos, a população desta terra, os trabalhadores, os empresários, as famílias, é que falem em nosso nome! Falem por nós! Apenas e só no interesse desta gente! Por todos aqueles que viveram e vivem as suas vidas na Base das Lajes, pela Base das Lajes e por tudo aquilo que esta realidade deu a esta ilha, a esta Região e a este país. Só assim poderá ser dado o salto para a outra vida que este espaço tem de continuar a ter... "

Com efeito, tem havido foguetório a mais, e é preciso consensualizar posições e comunicações. São pessoas em jogo, bem mais que destaques ou parangonas...

 

publicado por MSA às 10:56
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 27 de Janeiro de 2015

Candins (9)

Je Suis Base.jpg

O "candim" de hoje é mesmo americano, e reproduz uma afirmação do Embaixador dos EUA em Portugal, Robert A. Sherman, - sim, o tal que falou na pequena bomba de gasolina no meio do Atlântico... -, recordada por Onésimo Teotónio de Almeida, num artigo a dois no jornal "Correio dos Açores":

" É importante perceber o contexto. Isto não foi uma negociação com o Governo português, mas uma decisão militar americana de alinhar as forças militares segundo as necessidades operacionais. O que o Governo português fez foi expressar a sua preocupação sobre os efeitos desta decisão nos Açores, levantar questões sobre se os EUA queriam reduzir o seu compromisso estratégico com Portugal. O Governo americano fez uma reavaliação da decisão tomada em 2012, mas como parte da revisão da EIC (Comissão Europeia de Infraestruturas) em termos de todas as nossas forças. Demorou mais tempo porque o Governo americano levou a sério as preocupações portuguesas, mas sempre tendo em conta que o principal era encontrar o equilíbrio certo entre as nossas forças, atendendo tanto à segurança americana como à capacidade dos EUA de responderem às crises no mundo. E chegou à conclusão que a decisão original estava certa, segundo as nossas necessidades. Nos últimos quatro anos houve menos de dois voos por dia, em média, nas Lajes. E ter aproximadamente 650 militares e 1000 civis a apoiar dois voos por dia não faz nenhum sentido..."

Pois é. Faz pensar. Não faz?...

Artigo OTAlmeida CA27jan15.jpg

 

publicado por MSA às 09:21
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 26 de Janeiro de 2015

Demis Roussos (1946-2015)

Demis_Roussos.jpg

Agora apenas ou outros poderão dizer "Goodbye, my love, goodbye"...

publicado por MSA às 19:33
link do post | comentar | favorito

Luís Gil Bettencourt - Quem me dera

publicado por MSA às 19:23
link do post | comentar | favorito

Emma Holten: Uma licão sem roupa.

emma holten.jpg

Emma Holten é uma jovem jornalista dinamarquesa que, durante dois anos, viu a sua vida transformada num autêntico inferno, depois de fotografias em que aparecia nua terem sido publicadas na Internet por um ex-namorado. Foi então que decidiu tomar as rédeas da situação: escolheu uma fotógrafa profissional para lhe tirar fotos nua, publicou-as onde quis e abriu uma luta contra a objectificação do corpo feminino.

(Notícia completa, do "Público", aqui)

publicado por MSA às 11:04
link do post | comentar | favorito

Candins (8) - (com som)

Je Suis Base.jpg

O "candim" de hoje vem via-TSF e TVI24, oferecido pelos articulistas do "Governo Sombra", talvez um dos mais visionados programas de comentário político/social do país. Sobre a temática das Lajes, Pedro Mexia (PM), Ricardo Araújo Pereira (RAP) e João Miguel Tavares (JMT) não foram brandos face à hipótese, avançada por Vasco Cordeiro, da base terceirense poder passar a ser "explorada" pela China:

PM - "...parece aquele sketch do Diácono Remédios, em que o Herman (José) dizia "qualquer dia", seguido de uma coisa perfeitamente escabrosa. Qualquer dia cedemos instalações militares a um Estado ditatorial estrangeiro..."

RAP - "...gostava de ver uma tabuleta que dissesse "procura-se grande potência mundial ditatorial para tomar conta de um quintal que a gente aqui tem". Isso em termos militaroooobélicos..."

JMT - "...parecia um senhorio, que viu o arrendatário ir-se embora, e perde a cabeça a dizer "se você sair da minha casa, eu dou cabo de si, ou o mundo acaba, ou vou persegui-lo com uma caçadeira porque se está a querer ir embora (...) O tom é absurdo..."

Som:

Governo Sombra.jpg

 

publicado por MSA às 00:06
link do post | comentar | favorito
Domingo, 25 de Janeiro de 2015

WRC: Rallye Monte-Carlo (Highlights)

publicado por MSA às 22:18
link do post | comentar | favorito

"Vá para fora cá dentro"

EP Evora.jpg

100 cidadãos "pacíficos" apanharam um autocarro na Covilhã e seguiram, em romaria de amizade, até Évora, onde simbolicamente foram dar "um abraço fraterno", ao "companheiro" José Sócrates que, acreditam, estará preso "injustamente e para que não se possa defender das acusações que lhe fazem. Prenderam-no para o silenciar", dizem mesmo alguns dos amigos do ex-primeiro ministro, detido preventivamente há quase dois meses naquela cidade alentejana.

Sem recurso a qualquer ironia, é sempre bom verificar que, mais do que através de programas, parcerias ou promessas faraónicas, os políticos podem contribuir diretamente para o turismo interno em Portugal. Mesmo tratando-se de deslocações breves e com motivações francamente de nicho...

Excursão EP Evora.jpg

 

publicado por MSA às 16:02
link do post | comentar | favorito

Candins (7)

Je Suis Base.jpg

Domingo, dia da família, com a noção prática de que há centenas de pessoas na Terceira a temerem a incerteza dos seus dias. Famílias inteiras sem conhecer o seu futuro. Espaço para um dos mais incisivos articulistas da imprensa regional, o Osvaldo Cabral, que focou no seu artigo semanal uma alternativa que, pelos vistos, parece estar esquecida pela maioria dos responsáveis políticos:

" É estranho o silêncio dos nossos políticos sobre o Acordo de Parceria Transatântica sobre Comércio e Investimento (TTIP), que se desenrola nos bastidores diplomáticos e que vai alterar muita coisa entre a União Europeia e os EUA.
Será uma das iniciativas que mais impacto económico vai gerar em 2015, caso cheguem a bom porto as negociações.
Com este acordo será criada a maior zona de comércio livre do mundo, podendo os produtos dos países europeus e americano circularem entre si sem barreiras alfandegárias.
Ou seja, já não precisaremos de pagar taxas alfandegárias sempre que importarmos os tradicionais barris da América e poderemos enviar tudo o que é açoriano para o mercado da saudade, sem pagarmos mais por isso.
Esta é uma forma simplista de explicar o novo acordo, mas o que estará em jogo é, basicamente, isso mesmo, um mercado livre, sem entraves das alfândegas, e um mundo de possibilidades para investir, importar e exportar ".

Felizmente, nas dezenas de textos que vamos lendo sobre este drama local, há ideias e novas visões a reter. Nem tudo passa por sacudir a água do capote!

publicado por MSA às 10:00
link do post | comentar | favorito

WRC: Rallye Monte-Carlo (Day3)

publicado por MSA às 00:47
link do post | comentar | favorito
Sábado, 24 de Janeiro de 2015

Tom Sawyer.

Acabei de ouvir a música do Tom Sawyer na Antena 1/Açores. Viva a estação pública!

publicado por MSA às 19:33
link do post | comentar | favorito

Passaporte.

O vice-presidente açoriano concordou há minutos, no programa "Frente a Frente" (Antena 1/Açores) que os norte-americanos são especialistas em contabilidade criativa.

Será que se naturalizou, solidário?...

publicado por MSA às 13:20
link do post | comentar | favorito

WRC: Rallye Monte-Carlo (Day2)

publicado por MSA às 10:55
link do post | comentar | favorito

Candins (6)

Je Suis Base.jpg

O "candim" de hoje vem de Lisboa, e já foi dado a conhecer na quinta-feira de amigos. MEC - Miguel Esteves Cardoso, alinhavou breves ideias sobre os Açores, alguns açorianos, a Base das Lajes e América. Como tantas vezes, estes tipos espertos dizem tanto em tão pouco:

" Fica bem a Vasco Cordeiro, presidente do Governo Regional dos Açores, defender os interesses dos Açores e de Portugal como se fossem os mesmos, porque são. Ou, se não são, deveriam ser. Este mês os EUA decidiram reduzir o pessoal militar nas Lajes de 600 para 165. O presidente Cordeiro classificou o downsizing como uma "decisão hostil". Deus me perdoe, mas ri-me. Então os americanos mandaram 435 militares americanos para casa e a decisão, obviamente pacífica, é hostil?

O Presidente Cavaco Silva, honra lhe seja feita, também achou que a reacção, apesar de ser entusiástica, era excessiva. O presidente Cordeiro frisou que não gostou da maneira como a decisão foi comunicada: de repente e, para mais, unilateralmente.

Que queria o presidente Cordeiro? Que os EUA reduzissem os militares a um ritmo de 20 por ano? Que Obama tivesse telefonado a perguntar como se deveria fazer para não parecer mal?

António Costa, entalado, saiu-se bem. O homem tem a vantagem dupla da lealdade e da bonomia. Apoiou Cordeiro com admiração solidária. Culpou o actual Governo sem qualquer venenosa intenção. Chegou a dizer, com rigor e verdade, que a "decisão unilateral [dos EUA equivalia a] desvalorizar a nossa posição geoestratégica, na sua dimensão atlântica".

Os Açores têm, para já, centenas de coisas (culturais, ecológicas, económicas e paisagísticas) para ensinar ao mundo. A base militar americana já deu o que tinha a dar. É o resto de Portugal que tem muito para aprender ".

A postura de Estado, seja lá o que isso for, leva alguns a andarem nas pontas dos pés. E outros a acharem que são máximo, apenas por serem altos e corpulentos...

 

publicado por MSA às 10:22
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 23 de Janeiro de 2015

Motores na Ribeira Grande.

Cartaz Motorshow Ribeira Grande.jpg

 

publicado por MSA às 17:54
link do post | comentar | favorito

Bandas no Museu.

Cartaz Bandas MAH.jpg

 

publicado por MSA às 16:48
link do post | comentar | favorito

WRC: Rallye Monte-Carlo (Day1)

publicado por MSA às 10:57
link do post | comentar | favorito

Candins (5)

Je Suis Base.jpg

Ainda no texto "O Cerrado Grande", que o João Bendito teve a gentileza de partilhar, entramos numa fase tão clara quanto obscura da presença norte-americana na Terceira. Trabalhou-se muito, é certo. Mas também se roubou bastante. Foi um fartar, vilanagem:

" As histórias de roubos na Base eram muitas. Desde os simples pirex desviados por trabalhadores para uso nas suas próprias casas, até às manobras mais bem organizadas, de tudo se roubava no Cerrado Grande. São legendárias as estórias de estivadores da Praia que atiravam ao mar caixas de bebidas, mergulhando depois para as ir recolher em horas mortas. Militares portugueses, de alta patente, vinham de Lisboa em aviões militares e regressavam com as aeronaves a  abarrotar de pacotes de cigarros, equipamentos electrónicos e caixas de whisky. Muito deste material não era roubado mas as facilidades de compra eram maiores para os militares. Deu brado e muito falatório o caso do roubo da platina , ai pelos anos 60 do século passado. Um grupo bem organizado de larápios, chefiados pelo “Tintureiro” e pelo “Transação”, conseguiam arrancar o precioso metal na fuselagem dos aviões e depois vendiam com grande lucro no mercado negro. O envolvimento de personalidades angrenses e praianas era por demais evidente,mas esses não malharam com os ossos na cadeia ".

Como os verdadeiros, doces e com cores, parece que estes "candins" pegaram mesmo. Vamos ver se há mais no saco... 

publicado por MSA às 09:55
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 22 de Janeiro de 2015

Belle and Sebastian - A Century Of Fakers

publicado por MSA às 17:51
link do post | comentar | favorito

Candins (4)

Je Suis Base.jpg

Desta vez, os "candins" vieram mesmo d'América, e o texto de recordações - "O Cerrado Grande" - que o João Bendito escreveu na Califórnia permite ainda mais leituras sobre essa presença norte-americana, de várias décadas, que mudou a face da Ilha Terceira:

" Tempo houve em que o meu padrinho João “Lambião” trabalhou na Base. Quando o íamos visitar, à Casa da Ribeira, onde residia, até tudo cheirava diferente dentro daquela casa. Foi lá também que vi, pela primeira vez, como é que se comiam camarões a toque de cerveja morna, ainda não tinha havido maneira de “desenrascar” um frigorífico. Claro que eu era muito novo, não tinha idade para entrar na patuscada mas ainda me lembro do sabor do golinho de Amstel Beer que me deram a beber. Nunca provei mijo de burro mas parece-me que, naquela altura, concordei com a opinião dos outros rapazes ".

A prosa abarca mais uns pontos, até menos agradáveis. E guarda-se mais um "candim" para abrir amanhã...  

publicado por MSA às 09:50
link do post | comentar | favorito

Abraço pela Vida.

Abraço pela Vida.jpg

O mesmo grupo que organizou recentemente uma manifestação contra o cancro, que decorreu no largo da Matriz, em Ponta Delgada, acaba de dar mais um passo na formalização da sua luta, com o lançamento de um movimento no Facebook, intitulado “Abraço pela Vida”. A Rita Bonança, Graça Castanho e Ana Ferreira juntou-se agora Gabriela Silva, sendo de prever que o movimento comece a angariar apoios em todas as ilhas. Aliás, é isso mesmo que o grupo pretende, na consciência que “doentes incuráveis em fase terminal, que necessitam de melhores cuidados”, existem em todas as ilhas.

Abraço pela Vida Logo.jpg

 

 

 

 

 

publicado por MSA às 03:55
link do post | comentar | favorito

WRC: Rallye Monte-Carlo (Shakedown)

publicado por MSA às 01:14
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 21 de Janeiro de 2015

Caricaturas do António.

Cartaz Exposição Antonio Pedroso.png

Uma exposição de caricaturas políticas da autoria do deputado do PSD/Açores, eleito pela ilha de São Jorge, António Pedroso, é inaugurada amanhã (dia 22), às 18h00, na sede do partido, em Ponta Delgada, contando com a presença do seu presidente e líder parlamentar, Duarte Freitas.

A exposição reúne cerca de três dezenas de caricaturas inéditas de políticos açorianos, incluindo governantes e deputados de todos os quadrantes políticos. Os trabalhos  de António Pedroso ficam patentes na sede do PSD/Açores até 27 de março.

Conhecendo a quase totalidade dos desenhos que estarão expostos, recomendo a visita. O bom humor, algum sarcasmo e o traço correto darão o tempo por bem entregue.

Foto ANTONIO PEDROSO.jpg

António Oldemiro das Neves Pedroso nasceu na freguesia do Norte Grande, concelho das Velas de São Jorge, a 7 de janeiro de 1968. Como empresário de turismo, é sócio-gerente da agência de viagens “Aquárius” e do empreendimento turístico “Casa do António”.
Director da Estalagem das Velas entre 1985 e 1996, lecionando simultaneamente no ensino básico e de formação profissional, António Pedroso foi vice-presidente do Núcleo Empresarial de São Jorge e membro da Assembleia Municipal das Velas. Foi também co-fundador da “Associação de Juventude e Defesa do Património Histórico e Cultural da Ilha de São Jorge”, da “Associação Cultural das Velas” e do Grupo de Teatro “O Arco”, integrando ainda a comissão organizadora da Semana Cultural das Velas durante as suas primeiras 25 edições anuais. Foi ainda co-fundador e chefe de redacção do jornal “Correio de São Jorge”.
António Pedroso evidencia uma sensibilidade artística multifacetada, dedicando-se à pintura, caricatura, cerâmica, azulejaria e artesanato. A sua primeira exposição individual, de desenho a carvão, decorreu na cidade da Horta, por ocasião da “Semana do Mar” de 1983, e a mais recente teve lugar na Calheta de São Jorge, no Museu Francisco de Lacerda, com um conjunto de máscaras em cerâmica, no final de 2014. Entretanto, realizou outras exposições em Ponta Delgada, Praia da Vitória, Santa Cruz da Graciosa e continente português.
O empresário e político jorgense é ainda autor de diferentes publicações, nomeadamente os dois livros de contos, “O Golfinho Tomás” e o livro histórico “A Igreja de Santa Bárbara”, para além de coleções de postais dedicadas ao “Natal Açoriano” e às “Paisagens Jorgenses”. São ainda da sua autoria a letra, a música e o desenho dos trajes de marchas populares de São Jorge.

 

publicado por MSA às 14:34
link do post | comentar | favorito

Candins (3)

Je Suis Base.jpg

Fiz umas contas rápidas de cabeça, e conclui que não terei entrado na Base das Lajes mais que uma dúzia de vezes. Da primeira, lembro-me bem. Tinha onze anos, e foi nos anos da Marisa Olim, que era filha de um médico militar e a rapariga mais bonita das turmas todas que tive. Fomos, alguns dos alunos do 1ºA, à boleia do Leandro, pai do Nuno e da Carla - os gémeos do grupo - e um amigo dos ralis. Com o Opel Corta SR amarelo cheio de canalha, já não me lembro bem porquê, mas teve de fazer inversão de marcha na entrada do Posto 1. Possivelmente para tratar do passe de alguém. E fê-lo de forma rápida, com os pneus a chiarem bem alto, o que lhe valeu uma chamada de atenção do polícia militar presente. É que a Base também tem essa magia, cá fora os condutores locais podem voar baixinho, mas passada a "cancela", parecem reformados dessa velocidade toda. No caso em apreço, foi mesmo o tolo do polícia a querer pegar.

Dos anos da Marisa Olim, as recordações são quase frescas. Numa mistura rica de americano e português, até o cão tinha um cheiro diferente. Não fiquei encantado demais. Mas só porque os olhos e o sorriso da pequena lisboeta ofuscavam qualquer doce ou salgado que se destacasse demais no paladar...

publicado por MSA às 10:59
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 20 de Janeiro de 2015

Questão.

Com o Dia de Amigos a aproximar-se, quantos já terão tentado ser compinchas de Carlos Santos Silva?...

publicado por MSA às 23:16
link do post | comentar | favorito

Sérgio Godinho - O Rapaz da Camisola Verde

publicado por MSA às 14:14
link do post | comentar | favorito

Candins (2)

Je Suis Base.jpg

Hoje, a tirada dedicada ao assunto do momento, foi "roubada" ao Joel Neto, que iniciou uma série de crónicas sobre a redução massiva de americanos nas Lajes e todas as memórias que essa presença encerra. Pelo meio de um texto que lemos com olhos de vida, reza assim:

" E não só a TV. Os chocolates. As sapatilhas. As calças de ganga.
Continentais visitavam a ilha e punham-se no encalço de umas Levi’s 501. Nós tínhamos um tio cuja vizinha fazia compras no BX. Um amigo que tinha um amigo cujo pai entrava no Comissário.
As sapatilhas eram o Santo Graal, porque nos permitiam subir de casta. Eram sapatilhas “da Base”, adjectivo supremo. Quanto eu tinha 12 anos, Nike; 14, Roos; 16, Mirage; 18, Reebok. Houve miúdos que fizeram o pleno. Queríamos tocar-lhes".

E de que forma. Há lá caixa de sapatos com cheiro igual. Pode-se ter saudades de um saquinho de silica? 

 

publicado por MSA às 10:51
link do post | comentar | favorito

Porta dos Fundos - Sem Bateria

publicado por MSA às 01:05
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 19 de Janeiro de 2015

Candins (1)

Je Suis Base.jpg

Na natural ânsia que toda a gente parece ter para, agora, falar sobre a Base das Lajes, li há pouco um comentário "cirúrgico", do Paulo Santos, que aqui reproduzo:
" À problemática das Lajes, junta-se a falência do tecido económico terceirense , que criou dependências parasitárias ao ponto de o despedimento destes trabalhadores constituir um problema económico de natureza estrutural para a ilha; o que por sua vez se conjuga com essa coisa das semi-liberalizações com gateways e etc de que curiosamente ninguém fala. Um desastre para a ilha e a possibilidade de esta ser relegada para a periferia dentro da ultra-periferia ".

Na Terceira, ao esvaziamento da Base das Lajes, à crise global, ou ao fim do regime de quotas leiteiras, as atitudes, reações e consequências vão sendo bastante semelhantes. Infelizmente.

publicado por MSA às 21:14
link do post | comentar | favorito
Domingo, 18 de Janeiro de 2015

Verbo.

Passada apenas metade do mês de janeiro, fica a minha proposta de verbo do ano, numa ótica terceirense, regional, nacional e internacional: Mitigar.

publicado por MSA às 20:19
link do post | comentar | favorito

Per7ume - (à moda do) Porto

publicado por MSA às 14:04
link do post | comentar | favorito

Grande "Speedy"!

Paulo Goncalves Dakar15.jpg

Paulo Goncalves Dakar15 2.jpg

Neste sábado, o grande Paulo "Speedy" Gonçalves conseguiu o segundo lugar da geral no Dakar'2015. Parabéns! 

publicado por MSA às 03:15
link do post | comentar | favorito
Sábado, 17 de Janeiro de 2015

Jantar de Amigos (Marcha dos Veteranos)

Cartaz Jantar Dia Amigos.jpg

 

publicado por MSA às 21:32
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

.Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
29
31

.posts recentes

. Entre os campeões.

. David Antunes - Hoje não ...

. Fal'Arte de Dacosta.

. Obras.

. Equilíbrio.

. Peter, Bjorn & John - You...

. Manifesto 21: Cidadãos al...

. Candins (10)

. Candins (9)

. Demis Roussos (1946-2015)

.arquivos

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.quem cá passa

Contador de visitas

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds